Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Centro de Treinamento na UFMT de R$ 17,1 bilhão não tem prazo para ser concluído

O Centro Oficial de Treinamento (Cot) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), de nome oficial Centro de Treinamento Professor João Batista Jaude, uma obra que deveria ter ficado pronta em 2013 para a Copa do Mundo Fifa de 2014, continua inacabado e o prazo inicial de execução já foi multiplicado em mais de sete vezes. Além disso, dos aditivos de prazos para conclusão, também teve o valor final ampliado para mais de dezessete milhões de reais.

O Consórcio Campus Universitário, que é formado pelas empresas Engeglobal e Três Irmãos, foi contratado pela extinta Secretaria Estadual Extraordinária da Copa do Mundo (Secopa) como empresa de engenharia especializada na área civil para execução dos serviços necessários à construção do Cot da UFMT, localizado no campus da UFMT, em Cuiabá, com área total de 5.438,06m².

A obra teve início no dia 04 de março de 2013, com prazo estipulado em contrato para a execução em 300 dias, o que findaria em dezembro de 2013, mas a obra tropeçou na incompetência administrativa, na corrupção, na burocracia, na greve de trabalhadores por atrasos salariais e péssimas condições de trabalho e, com isso, o prazo subiu de 300 para 2457 dias (+ de 7 vezes o inicial).

Conforme o Geo-Obras, o valor inicial da obra era de R$ 15.860.570,47 em 2013, mas recebeu aditivos que lhe acrescentaram mais R$ 1.281.892,00, o que elevou o valor de execução a R$ 17.142.462,47. Um montante que compreende o fornecimento, por parte do consórcio, de mão-de-obra, materiais de construção, equipamentos e outros serviços afins e correlatos previstos no projeto. 

De acordo com a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso (Sinfra), o valor final já está em R$ 17.256.568,91, acima do informado no Geo-Obras. E, segundo a Sinfra, a obra está 95% pronta e falta a conclusão da drenagem do estacionamento, instalação de piso monolítico, finalização da parte elétrica, início da recuperação do gramado, terminar o fosso do elevador e ainda aguarda a fabricação do elevador que vai no fosso.

Apesar dos ditos 95% darem a impressão de quase concluída, isso ainda pode se arrastar por muitos meses ou anos. Como foram outros anúncios do governo, como quando a Secretaria de Estado de Cidades (Secid), no dia 25 de agosto de 2017, disse que a obra estava 84% concluída, e mais tarde a Secretaria Adjunta de Esporte e Lazer (Sael), em 01 de março de 2019, disse que a obra estava com mais de 80% concluída (não soube precisar) e, ainda assim, fez uma inauguração parcial (só da pista) no dia 02 de março de 2019.

Em suma, a pista e outros equipamentos esportivos já recebem eventos, mas, além da infraestrutura que falta finalizar, a arquibancada continua interditada para o público, que assiste os eventos de forma improvisada, e continua a deteriorar sob sol e chuva mesmo sem nunca ter sido utilizada. Mas, de acordo com a Sinfra, o Cot está previsto para ser concluído em outubro de 2019.

Texto e fotografia: Junior Martins

Ler Anterior

Vereador cuiabano participará de expedição à Antártica

Leia em seguida

Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência em 2º turno por 370 votos a 124