Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

sábado, 23 de janeiro de 2021

Dois PMs são expulsos após se envolverem em tráfico e fornecerem armas à bandidos

Os ex-policiais militares Reverton Nobres da Silva e Elson Luis da Silva Morais foram oficialmente expulsos da corporação nesta segunda-feira (2), após serem condenados pelos crimes de associação criminosa, roubo e posse ilegal de arma, cometidos em 2011.

 

A determinação é do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis. As portarias foram publicadas no Diário do Estado, que circula hoje (2).

 

“O comandante geral da Policia Militar do Estado de Mato Grosso, no uso das atribuições e considerando a decisão exarada na Ação Penal da Segunda Vara Criminal de Várzea Grande-MT, bem como a manifestação da Assessoria Jurídica da PMMT no memorando 361/ Ass.Jur/PMMT de 22/08/2019, homologada pelo memorando 1915, resolve: Demitir das fileiras da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso o Policial SD PM Elson Luís da Silva Morais, a contar do dia 01/09/2019, cumprindo a determinação judicial exarada nos autos acima citados”, escreveu o comandante-geral.

 

Prisões

 

Os PMs foram alvos da Operação Balista, deflagrada pela Polícia Federal, que desmantelou uma quadrilha de assaltos a bancos e caixas eletrônicos e prenderam 18 pessoas.

 

Os ex-militares seriam suporte do grupo. Reverton e Elson eram responsáveis por monitorar o policiamento nas áreas em que ocorreriam os crimes e alertar a quadrilha. Eles ainda auxiliavam no transporte de drogas e na aquisição de armas para os bandidos.

 

Nos autos do processo, consta que foi comprovado a participação de Reverton e Elson ao assalto de um posto de combustíveis, em Várzea Grande, por meio de interceptações telefônicas realizadas. O crime ocorreu em fevereiro de 2011.

 

Uma semana depois, eles participaram de um arrombamento de um caixa eletrônico, numa das unidades do supermercado Comper. Foram levados R$ 180 mil.

 

Em março, a dupla ainda tentou furtar um caixa eletrônico da Prefeitura de Várzea Grande, no entanto, a ação não teve sucesso.

 

Elson e Reverton foram condenados a 18 anos e 11 meses de prisão pelos crimes de roubo a posto, roubo ao caixa eletrônico e tentativa de furto.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Emanuel chama de politicagem críticas contra gestão e que é cedo para falar de eleição

Leia em seguida

Planalto confirmou: Bolsonaro fará nova cirurgia