Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Obras do Rodoanel devem ser retomadas no próximo ano

A Assembleia Legislativa (ALMT) realiza na manhã desta segunda-feira (9), audiência pública para discutir sobre a retomada das obras do Rodoanel que passará por Várzea Grande. As obras estão paralisadas desde 2010 após denúncia de fraude na licitação.

 

As obras do Rodoanel estão paralisadas desde 2010, após denúncia de fraude na licitação. Trata-se do contorno Norte Cuiabá-Várzea Grande, que tem uma extensão de 52 quilômetros de pista duplicada, a qual beneficiará direta e indiretamente mais de 39 bairros, atingindo cerca de 420 mil pessoas. O projeto passa pela BR 163/364 em Várzea Grande, na altura do rio Pari e pela BR 070/163/364 em Cuiabá, na região do Sinuelo.

 

Após a sua conclusão, o Complexo irá ligar a região do Trevo do Lagarto, em Várzea Grande, até o Distrito Industrial de Cuiabá, passando pela estrada da Guia (MT-010), Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), chegando a BR-364, recebendo assim todo trafego de veículos pesados da BR-163, desafogando o núcleo urbano de Cuiabá e Várzea Grande.

 

O presidente da AL, deputado Eduardo Botelho (DEM), a obra é importante para o aglomerado urbano e para o Estado e quando entregue dará maior fluidez no trânsito.

 

“O Rodoanel é muito importante para aglomerado urbano e para o estado. O trânsito tem paralisado muito, causando lentidão, atrasa carga, viagens, cria transtorno para perímetro urbano. O rodoanel veio para resolver esse problema para baixada cuiabana e para o comércio em geral”. “Assembleia está participando dessa discussão. É uma obra que vai sair do papel e vai andar. Tem previsão das obras começarem ainda no próximo ano. Os recursos serão uma parceria do governo estadual com federal. Iniciou a obra então terá dinheiro para continuar”, disse.

 

Segundo o superintendente DNIT, Orlando Fanaia, praticamente 100% dos veículos que utiliza a região metropolitana só de passagem, vão utilizar o Rodoanel. “Isso para nós é fundamental. Com relação devido essa mistura de veículos do centro metropolitana com veículos de carga, terá impactado bastante reduzido em acidentes. As rodovias hoje não são preparadas para receber esse volume e compartilhar o perímetro urbano”.

 

“Hoje temos uma estimativa que 70% são de veículos de carga, todo nosso fluxo, varia de período, desde safra e período festivos, mas podemos representar que 70% do fluxo será desviado. Nós temos em torno 130 milhões de reais já colocados desde 2014 na conta do governo estadual e a ideia é que desenvolva o projeto em etapas”, afirma. Participam da audiência a Câmara dos Vereadores de Cuiabá, Prefeitura de Várzea Grande, representantes do Senado, Assembleia Legislativa e o DNIT.

Ler Anterior

Madrasta é presa suspeita de envenenar menina de 11 anos por herança de R$ 800 mil

Leia em seguida

Safra de algodão e maquinário ficam destruídos após incêndio em fazenda