Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Selma: governadores e prefeitos se escondem atrás do Congresso

Segundo congressista de Mato Grosso, há que se considerar ainda as particularidades de cada Estado

A senadora Selma Arruda (Podemos) afirmou ser contrária à inclusão de estados e municípios na Reforma da Previdência do País. A medida vem sendo estudada pelo Senado e a ideia é apresentar uma Proposta de Emenda à Constituição – a chamada “PEC paralela” ao texto já aprovado na Câmara dos Deputados.

Na avaliação de Selma, contudo, a PEC seria uma forma de os governadores e prefeitos se esquivarem de suas responsabilidades e, consequentemente, evitar críticas dos eleitores.

“Muitos governadores e prefeitos estão se escondendo atrás do Congresso para não terem que dar explicações a seu eleitorado”, disse ela.

“Sou sempre contra esse tipo de coisa, acho que os políticos têm que ser transparentes e enfrentar os bons e maus momentos de alma limpa e olhando no olho de seu eleitor”, emendou a senadora.

Segundo ela, há que se considerar ainda as particularidades de cada Estado, de modo que replicar o texto aprovado pela Câmara não seria a medida mais adequada.

“Cada Estado, cada Município tem sua realidade. Tem Estado que tem crise muito grave, tem Estado com capacidade de recuperação muito maior. Enfim, penso que isso pode ser tratado sim individualmente”, acrescentou Selma.

“Maluquice”

Em entrevistas recentes, o governador Mauro Mendes (DEM) tem dito que a aprovação da PEC evitaria um caos no sistema previdenciário do País.

Ele inclusive tem mantido reuniões com senadores na tentativa de sensibilizá-los pela aprovação da medida.

“Seria inimaginável ter um País com dezenas, centenas de regimes jurídicos diferentes. Já pensou em Cuiabá um servidor se aposentando com 65 anos, outro com 50 anos, o da Prefeitura com 60. Quer dizer, uma maluquice no País”, disse.

“Há que se imaginar que o Senado vai seguir nessa linha que já está amplamente divulgada, que é fazer uma PEC paralela para inclusão de estados e municípios”, afirmou o governador.

Ler Anterior

Enfermeira some após sair do trabalho; marido aciona a polícia

Leia em seguida

Tiroteio entre PM e ladrões termina com um morto e outro baleado