Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Polícia prende homem que tentou matar companheira queimada

Suspeito ateou fogo na vítima e impediu-a de buscar atendimento médico; ele foi preso nesta sexta-feira (18)

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá, cumpriu nesta sexta-feira (18), o mandado de prisão preventiva contra G.A.C., de 28 anos, pelo crime de tentativa de feminicídio. O suspeito é acusado de jogar álcool e atear fogo no corpo da companheira motivado por ciúmes.

O crime ocorreu no dia 21 de setembro quando o suspeito exigiu que a sua companheira lhe mostrasse o celular. Ao ter a ordem negada, ele agrediu passou a agredi-la com socos e esganaduras por aproximadamente 40 minutos e a prometeu de morte.

Não satisfeito com as agressões, o suspeito jogou álcool no corpo da companheira e em seguida, utilizando um palito de fósforo ateou fogo na vítima, que ficou em chamas em frente do suspeito.

Após o fogo apagar, G.A.C. manteve a companheira presa em casa, impedindo-a de buscar atendimento médico. Somente após ele dormir, a vítima conseguiu fugir do local, e teve que caminhar por cerca de dois quilômetros até chegar a um hospital onde recebeu atendimento.

Além das diversas queimaduras pelo corpo, a vítima ainda perdeu a audição de um dos ouvidos devido à gravidade da lesão.

Segundo a delegada, Nubya Beatriz Gomes dos Reis, o suspeito apresenta extensa lista de antecedentes criminais, e responde pela prática de outro homicídio.

“Desde a data do crime, G.A.C. estava foragido e com apoio da Diretoria de Inteligência a prisão foi cumprida com sucesso em um assentamento. Agradeço imensamente a todos policiais da DEDM envolvidos nas investigações e ao apoio da Diretoria de Inteligência que tornou possível a prisão do autor de um crime tão bárbaro”, disse.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Polícia encontra três corpos em quitinete de Cuiabá

Leia em seguida

Emanuel cita efeito cascata e se diz contra aumento de seu salário