Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

Servidora da Prefeitura de VG é presa acusada de aliciar menores

Ingridi Keliany Gomes da Silva responde por estupro de vulnerável; Município rompeu contrato

A servidora da Prefeitura de Várzea Grande, Ingridi Keliany Gomes da Silva, de 23 anos, foi presa acusada de aliciar meninas menores de idade para programas sexuais.

 

A prisão foi realizada no no dia 24 de outubro em cumprimento a uma decisão da 4ª Vara Criminal da Comarca de Várzea Grande.

Ela é suspeita de estupro de vulnerável. Conforme as investigações, a servidora teria aliciado menores de idade para fazer programas com homens adultos. Entre os clintes, estaria até mesmo o namorado dela.

O crime é previsto no Artigo 217-A do Código Penal Brasileiro, com pena prevista de 8 a 15 anos de reclusão.

Após receber a determinação judicial, os policiais civis do Núcleo Especializado em Busca e Capturas da Polinter realizaram os levantamentos iniciais conseguindo localizar a investigada na região central de Várzea Grande.

Em seguida, a servidora foi conduzida à sede da Delegacia de Polinter e Capturas. Na sequência, foi encaminhada à Justiça para apresentação em audiência de custódia.

A Prefeitura de Várzea Grande afirmou que quando houve a notificação de que Ingridi se tornou ré, foi feito o rompimento do contrato de trabalho, já que ela não é concursada. No entanto, segundo o Município, a jovem terá o direito de retornar a função se ficar comprovado que não é culpada.

O caso está tramitando em sigilo na Justiça de Várzea Grande.

Ler Anterior

MT receberá R$ 342 milhões a menos que o esperado com leilão

Leia em seguida

Jardim Kennedy é contemplado com nova praça pública