Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Advogada é presa após “esfregar” carteira da OAB em rosto de PM

A suspeita abordou os policiais durante a prisão de uma dupla por tráfico de drogas

Uma advogada de 28 anos, identificada pelas iniciais T.M.S.P., foi presa nesta quarta-feira (6) por desacato após empurrar um policial militar e supostamente “esfregar” a carteira profissional no rosto do oficial, em Campo Verde (a 131 km de Cuiabá).O crime aconteceu enquanto uma dupla estava sendo presa por tráfico de drogas.

Segundo informações da Polícia Militar, a dupla N.S.P., de 21 anos e J.V.M.F.M., de 19 anos, foi abordada pela PM após ser flagrada parada no meio da rua com uma atitude suspeita.

No momento em que avistaram os militares, os jovens arremessaram uma sacola contendo sete porções de maconha. Diante dos fatos, os policiais abordaram os suspeitos para que eles fossem detidos.

Durante a prisão, a suspeita, T.M.S.P. teria se aproximado afirmando ser advogada e ameaçando esfregar a carteira profissional no rosto do policial.

Após a atitude da advogada, o militar a advertiu de que, se fizesse aquilo, seria presa por desacato. No entanto, a suspeita não ouviu o aviso e, além de colocar a carteira do rosto do PM, chegou a empurrá-lo.

Por conta da atitude desrespeitosa, a mulher foi algemada e encaminhada junto com os dois suspeitos à delegacia, onde foi registrado o boletim de ocorrência.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Polícia: mulher envenenou enteada e pode ter matado sogro

Leia em seguida

Força Tática encontra coletes, arma e droga com suspeitos em Cuiabá