Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

domingo, 25 de outubro de 2020

Palmeirense agride cantor por não aceitar brincadeira com time

No palco, o artista cantava: “o Palmeiras não tem mundial”; fato ocorreu na noite deste sábado

Um integrante de uma torcida organizada do Palmeiras em Cuiabá agrediu um cantor de pagode durante o show na noite de sábado (9). Ele invadiu o palco, em uma casa de shows na avenida Prainha, no centro, e deu um soco no artista, que precisou ser escoltado pela polícia para sair do local.

Segundo testemunhas, um grupo de torcedores do Palmeiras estava no local bebendo. Quando o artista cantava uma paródia da música “Tia Nastácia”, o torcedor invadiu o palco e deu socos no cantor. Ele saiu correndo do palco e foi perseguido pela palmeirense, que precisou ser contido pelos colegas de torcida.

O trecho polêmico que causou a agressão fala “o Palmeiras não tem Mundial”, em referência ao polêmico título de 1951 do time, que para as outras torcidas não é considerado um Mundial Interclubes.

Antes mesmo da agressão, outros torcedores haviam jogado garrafas e copos com bebida no palco, por causa da brincadeira.

Após a confusão, o show foi suspenso por alguns minutos e o cantor foi escoltado pelo Batalhão de Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam) para sair da casa de shows.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Vídeo mostra latrocida atropelando adolescentes em VG; veja

Leia em seguida

PEC da prisão após 2º instância será incluída na pauta da CCJ