Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quarta-feira, 21 de outubro de 2020

PF faz operação em MT e mais 8 estados contra tráfico de drogas

Ação também cumpre mandados no DF e devem bloquear bloquear R$ 10 milhões em bens de suspeitos

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (20), uma megaoperação no Distrito Federal, em Mato Grosso e mais oito estados para desarticular uma quadrilha especializada no tráfico de drogas entre o Brasil e a Europa por meio de uma rede de “mulas”.

No jargão policial, “mulas” são pessoas que transportam porções de drogas dentro ou junto ao corpo.

Cerca de 200 policiais federais buscam cumprir 40 mandados de prisão e outros 40 de busca e apreensão. Além de Mato Grosso e o Distrito Federal, são cumpridos ordens judicias no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraíba e Amazonas.

Segundo a PF, a organização criminosa fazuia o envio de cocaína para a Europa através de aeroportos internacionais do País e trabalhava no tráfico de haxixe para o Brasil.

 

A operação Wanderlust também deve apreender 40 veículos – entre embarcações, caminhões, automóveis e motocicletas –, e bloquear R$ 10 milhões em bens suspeitos movimentados pela organização criminosa.

 

Investigação

As investigações, concentradas em Caxias do Sul (RS), iniciaram em março deste ano e identificaram uma rede de recrutamento de “mulas” em diversos estados do país.

No decorrer das investigações, a PF prendeu ao menos 25 pessoas em flagrante tentando transportar drogas em aeroportos brasileiros e do exterior sendo que, entre os presos, seis foram localizados em Portugal. A PF também informou que apreendeu quase duas toneladas de drogas no período.

Em paralelo, a Polícia Federal também desarticulou um esquema de embarques de haxixe do exterior ao Brasil. Em João Pessoa, capital da Paraíba, os policiais federais apreenderam 1,6 tonelada da droga em um veleiro que havia partido do Marrocos. A apreensão da droga é considerada a maior já registrada no país, informou a corporação.

Nome da operação

Wanderlust é uma palavra alemã que, em tradução livre, significa desejo de viajar.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

EXCLUSIVO – Fim do impasse: Emanuel disputa reeleição

Leia em seguida

Polícia prende grupo que furtou 41 cabeças de gado em MT