Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

segunda-feira, 26 de outubro de 2020

Elefanta Lady chega em santuário de Chapada dos Guimarães

Ela vivia no Parque Zoobotânico Arruda Câmara, em João Pessoa

A elefanta Lady chegou nesta sexta-feira (29) no Santuário dos Elefantes, em Chapada Guimarães, há 65 km de Cuiabá, vinda da Paraíba (PB).

Ela vivia no Parque Zoobotânico Arruda Câmara, em João Pessoa, e viajou mais de 3,2 mil km para chegar ao santuário.

Na próxima semana, Lady vai poder se juntar a Ramba, Maia e Rana, elefantas que já foram acolhidas pelo santuário. A convivência com outros animais da espécie foi um dos motivos pelos quais a justiça determinou a transferência.

A disputa judicial para decidir o destino da elefanta começou em junho deste ano, quando o Ministério Público Federal (MPF) abriu um inquérito civil para investigar a situação da condição de vida do animal que foi resgatado de um circo.

O procedimento foi aberto depois de denúncias de maus-tratos. No final de julho, o laudo entregue ao MPF apontou que a elefanta corria risco de morte, pois o animal estava com a doença que mais mata elefantes em cativeiro no mundo.

Lady tem cerca de 45 anos, e passou a maior parte de sua vida em circos. Em 2013, ela foi apreendida pelo Ibama no Rio Grande do Norte de um circo no nordeste e enviada para o Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica), em João Pessoa.

De acordo com os funcionários do zoológico, ela tem uma doença nas patas, que já era evidente à época que chegou no local.

Ela nasceu em cativeiro e era uma das principais atrações do Circo Europeu Internacional até ser doada à Prefeitura de João Pessoa.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

MT arrecada R$ 15,9 bi até outubro e fica distante de atingir meta

Leia em seguida

Ludmilla é acusada de fazer apologia às drogas