Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

sexta-feira, 21 de janeiro de 2022

Homem é suspeito de matar filho 27 anos após matar a própria mãe

Um homem de 45 anos identificado como Paulo Roberto de Caldas foi preso na cidade de Roda Velha, na Bahia, por suspeita de matar o próprio filho, de quase dois anos, no Distrito Federal.

Paulo era procurado desde a última sexta-feira (29), quando pegou o filho de um ano e 11 meses na creche e desapareceu junto ao menino. Ele trocou mensagens com a ex-namorada, mãe do menino, pelo WhatsApp. “O Bernardo no que depender de mim vc não vê mais nem a sua mãe”, afirmou.

Após buscas da polícia, o homem foi encontrado em um hotel na cidade de Roda Velha. À polícia, ele disse que dopou o menino após sequestrá-lo, percebeu que ele tinha morrido e decidiu se livrar do corpo ao passar por um trecho da BR-020 e perceber um matagal alto.

O homem disse que a intenção inicial dele era apenas assustar a mãe e a avó da criança. O sequestro, segundo ele, foi motivado pelas restrições impostas pela mulher para visitar o filho.

A polícia afirmou que Paulo matou e ateou fogo no corpo da mãe dele quando tinha 18 anos. Na época, ele foi considerado psicologicamente incapaz e encaminhado à ala psiquiátrica da penitenciária da Papuda. Ficou preso por dez anos no local e, ao conquistar liberdade, foi aprovado em concurso público do Metrô de Brasília.

Como o corpo do menino ainda não foi encontrado, a polícia não descarta a possibilidade de que o menino esteja vivo.

Ler Anterior

No Rio, Guedes diz que não há razão para pessimismo no país

Leia em seguida

Saúde coloca em prática o Plano de Ação de combate ao mosquito da dengue