Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

sábado, 23 de janeiro de 2021

Advogada é flagrada com câmera espiã em presídio de Cuiabá

Ela chegou a ser ouvida pela GCCO, que não enxergou crime e a liberou em seguida

Uma advogada de 30 anos foi detida na terça-feira (10) após ser flagrada dentro da Penitenciária Central do Estado com uma câmera espiã.

De acordo com a Secretaria de Estado e Segurança Pública (Sesp), o caso ocorreu por volta das 15h35. Além da câmera, a advogada também tinha com ela um carregador portátil, fone de ouvido e um cabo USB.

Ação foi flagrada por uma agente que viu a profissional fazendo filmagens no presídio, próximo ao Raio 3.

Ela passou pelo detector de metal, que apitou, denunciando os objetos que não poderiam entrar na unidade prisional.

Com ela também foi encontrado um papel contendo instruções de como usar o aparelho, que é semelhante a um controle de portão eletrônico.

A mulher foi detida, levada para a sede da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) e liberada após ser ouvida.

Uma comissão da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) seccional de Mato Grosso acompanhou o depoimento na delegacia.

Segundo a GCCO, não ficou configurado crime e a advogada não vai responder por nenhuma acusação.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

TSE cassa mandato de Selma Arruda e determina novas eleições em MT

Leia em seguida

Procurado em 3 estados, ladrão que roubou banco em MT é preso