Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Homem é preso suspeito de tentar matar irmão e colega de trabalho

Ele ofereceu suborno aos policiais militares de 6 gramas de ouro para não ser preso

Um homem de 34 anos foi preso nesse sábado, em Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, suspeito de tentativa de homicídio, desobediência, ameaça, desacato, corrupção ativa, além de ter mandatos de prisão em aberto.

Conforme a Polícia Militar, o suspeito trabalha em uma balsa no Rio Peixoto.

Nesse sábado (14), ele teria atacado o próprio irmão com um facão dentro da balsa. O gerente do local também teria sido agredido pelo suspeito e, conforme a Polícia Militar, sofreu um corte profundo no ombro e foi encaminhado desacordado para o Hospital Regional e ainda corre risco de morte.

Os militares foram até o local e viram a balsa atracada no meio do rio. Pegaram então um barco que estava na margem e foram até a balsa, pedindo para que o suspeito se entregasse.

De acordo com a PM, ele ameaçou os policiais com o facão e, em seguida, pulou da balsa e fugiu pela mata.

Antes, porém, ele teria cortado a âncora, fazendo com que a balsa descesse o rio desgovernada.

O suspeito foi localizado e houve negociação para que ele se entregasse. Somente 5h após o início das negociações, ele se entregou à PM. Mesmo assim, ainda ofereceu aos militares 6 gramas de ouro semanalmente para não ser preso.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Contas de Taques serão votadas nesta semana pela Assembleia

Leia em seguida

Amalgama dental, um veneno silencioso