Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Abandonada em creche há 50 anos, mulher procura por família

Glauce Dias da Silva sonha em conhecer a mãe e os quatro irmãos

Deixada em uma creche com apenas seis meses de vida, a dona de casa Glauce Luiza Dias da Silva, de 50 anos, sonha em encontrar sua mãe e seus irmãos.

Na última semana, ela gravou um vídeo, que circula nas redes sociais, pedindo ajuda para localizar a sua família, que Glauce acredita estar em Cuiabá.

Segundo Glauce, ela foi abandonada pela sua mãe, Maria Dias da Silva, na creche “Lar Espírita Monteiro Lobato”, em Cuiabá, com sua certidão de nascimento contendo apenas seu nome e de sua genitora.

“Eu não tenho documento algum, só tenho o registro com o nome dela. No registro não consta nome de padrinho, madrinha, nem de pai, avô, nem de ninguém. Eu não sei o paradeiro deles e não sei o paradeiro dos meus pais”, disse, no vídeo.

Ela relatou que possui mais quatro irmãos, que também não chegou a conhecer. Apesar de se passarem 50 anos, a dona de casa ainda sonha em encontrar a sua família.

“Preciso tanto encontrar a minha mãe quanto meus irmãos. Eu não sei nada da vida deles, mas eu sei que tenho quatro irmãos”, contou.

Glauce viveu na Capital até os 19 anos, quando se mudou para Nova Lacerda (a 541 km de Cuiabá) para se casar. Atualmente ela vive no assentamento PA Santa Helena e tem três filhas e quatro netos.

Ainda no vídeo, ela suplica para que, quem assistir, a ajude a encontrar seus parentes e reconectar às suas origens.

Caso alguém tiver informações sobre o paradeiro da família da dona de casa, pode entrar em contato pelos telefones: (65) 99619-6788 ou 99808-6798.

 

Ler Anterior

Mendes diz estar satisfeito com gestão e nega troca de secretários

Leia em seguida

Jovem tenta fugir da Rotam, aponta arma para PM e é baleado