Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Nilo Póvoas fecha as portas após 50 anos de tradição

tualizada às 12h34 Em funcionamento há 50 anos, a Escola Estadual Nilo Póvoas, em Cuiabá, não receberá alunos para o ano letivo de 2020. Os estudantes matriculados serão transferidos para a Escola Plena Antônio Epaminondas, no bairro Baú.

De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (Seduc), a mudança é necessária porque o espaço atual na unidade estava ocioso. O prédio comporta mais de mil alunos e estava atendendo menos de 200. O espaço é dividido em dois pisos, o de baixo abriga a Escola Estadual Barão de Melgaço e, no superior, funcionava a Nilo.

 

As unidade foi construída a 50 anos e em 2017 passou por revitalização para ser transformada em escola plena, com atividades em tempo integral.

 

A Escola Barão continuará utilizando o prédio de dois andares. A Seduc não informou o que será feito no espaço deixado pela Nilo.

 

Outro lado

A Secretaria de Estado de Educação informa que está fazendo processo de reordenamento da rede estadual, visando otimizar os recursos financeiros, potencializar os espaços, melhorar a estrutura física das unidades e a demanda do atendimento aos alunos.

 

O prédio da Nilo Póvoas possui 12 salas de aula e capacidade para atender cerca de mil alunos, no entanto, atualmente, atende cerca de 130 alunos em tempo integral. Diante disso, a Seduc decidiu pelo remanejamento dos alunos da Escola Nilo Póvoas para a Escola Estadual Antônio Epaminondas, localizada no bairro Lixeira, em Cuiabá, que também oferta o ensino médio em tempo integral.

 

A Escola Estadual Antônio Epaminondas tem oito salas de aula e atende em média 200 alunos e o prédio tem capacidade para atender cerca de 700 alunos nos três turnos.

 

A partir de 2020, as vagas de matrículas serão disponibilizadas na EE Antônio Epaminondas, que vai ofertar o ensino fundamental nos anos finais (7º ao 9º ano) e ensino médio em tempo integral.

 

A Seduc ressalta que boa parte dos alunos atendidos na escola Nilo Póvoas são oriundos de outros bairros e não somente do bairro Bandeirantes onde a unidade escolar está localizada.

 

Os professores efetivos e profissionais efetivos da Escola Nilo Póvoas também serão absorvidos pela escola Antônio Epaminondas.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Por engano, advogado envia ao TJ contrato de submissão sexual

Leia em seguida

Justiça Militar recebe denúncia contra sargento pego com 37 kg de cocaína em avião da FAB