Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Mulheres emprestam conta para amiga e denunciam golpe em MT

A suspeita depositou R$ 36 mil na conta e afirmou que daria uma parte do dinheiro para a dupla

Duas mulheres denunciaram na noite desta sexta-feira (10) que foram vítimas de um golpe ao emprestar a conta bancária para uma amiga em Pontes e Lacerda (a 445 km de Cuiabá). Nenhuma das envolvidas teve a identidade informada pela polícia.

 

Segundo informações do boletim de ocorrência, as vítimas relataram que a suspeita pediu os dados da conta para conseguir depositar R$ 36 mil.

A mulher ainda afirmou que 10% do valor depositado, ou seja, R$ 3,6 mil, seria entregue para cada uma das duas.

Os depósitos foram feitos junto com o namorado da suspeita, cúmplice do crime, além de alguns saques e transferências. No entanto, ao tentar acessar a conta, uma das vítimas percebeu que ela estava bloqueada.

Diante dos fatos, as duas mulheres denunciaram a amiga para a Polícia Militar.

As três foram conduzidas para a delegacia como suspeitas pela suposta prática de estelionato.

A Polícia Civil investiga o caso.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Assaltante é baleado e morre em troca de tiros com a PM em MT

Leia em seguida

Prefeitura orienta índios venezuelanos para emissão de Carteira de Trabalho