Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

quinta-feira, 22 de outubro de 2020

Avião agrícola cai e mata empresário na região Sul do Estado

Sidney Gianini Junior, de 23 anos, havia acabado de pulverizar uma lavoura

O piloto Sidney Gianini Junior, de 23 anos, morreu na tarde desta sexta-feira (17) após sua aeronave cair na Fazenda Pontal, na zona rural de Guiratinga  (332 km ao Sul de Cuiabá).

 

Júnior é filho do empresário Sidney Gianini, proprietário da Aliança Aviação Agrícola, com sede em Primavera do Leste.

 

Segundo informações da Polícia Militar, Junior pilotava o avião agrícola para pulverizar a lavoura de soja com pesticida.

 

Ao terminar seu trabalho, por volta das 15 horas, ele decidiu pousar seu avião e ajudar outros colegas, no entanto a pista estava cheia e não suportava outra aeronave.

 

Então o piloto ficou sobrevoando a área aguardando a liberação da pista, mas caiu ao fazer uma manobra.

 

Uma ambulância foi acionada, mas o médico constatou a morte de Junior ainda no local.

 

Junior morava em Primavera do Leste (a 242 km de Cuiabá), mas estava na região a trabalho.

 

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Rondonópolis (a 219 km de Cuiabá), onde passou por exame de necropsia.

 

Comoção

 

Nas redes sociais diversas pessoas comentaram em publicações lamentando a morte do jovem piloto.

 

Por ser de uma família relacionada à aviação, Junior Gianini tinha bastante experiência na área.

 

Em um dos comentários, uma pessoa disse: “Acidente na fazenda noticia triste. O piloto tinha 23 anos Junior Gianini e acabou morrendo, somente Deus para confortar esta família no momento”.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Deputado afirma que destinou R$ 22 mi à Baixada em 2019

Leia em seguida

Festival de Lambadão segue com inscrições até dia 31 de janeiro