Notícias de Última Hora :

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

Alunos do Colégio Salesiano São Gonçalo podem acompanhar aulas pela internet

Fonoaudióloga de Cuiabá alerta sobre limpeza de aparelhos auditivos no período de pandemia

O mundo é machista, mas quem mandam são elas

Gêmeos de Cuiabá são aprovados em três universidades federais

domingo, 25 de outubro de 2020

Partidos de esquerda se unem para lançar candidatura única ao Senado

Apesar de serem minoria no estado, oito partidos se unem para eleição

Com cerca de 22 pré-candidatos até o momento, a disputa eleitoral ao Senado, pela vaga da senadora cassada Selma Arruda (PODE), tem despertado o interesse de várias lideranças. Apesar de serem minoria em Mato Grosso, cerca de oito partidos de esquerda e de centro anunciaram uma aliança para uma candidatura única na eleição em abril.

Entre os partidos estão o PT, PCdoB, PSB, SD, PROS, REDE, PL e o PV. Todas as legendas já anunciaram interesse na eleição e lançaram pré-candidaturas. Segundo o advogado e ex-deputado estadual, Dr. Edvaldo (PCdoB), as lideranças estão construíndo uma frente ampla com diversos interesses públicos.

“O objetivo é a construção de uma frente ampla para lançar um candidato ao Senado, que tem como propósito a defesa e fortalecimento da educação pública, da saúde pública, da segurança pública e a efetivação de um projeto de desenvolvimento regional”, afirmou.

Até o momento, demonstraram interesse na vaga a professora Maria Lúcia (PCdoB), o deputado estadual Max Russi (PSB), o deputado federal Leonardo (SD), a superintendente do Procon Gisela Simona (PROS), o advogado Sebastião Carlos (REDE), o presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), Neurilan Fraga (PL) e o vereador de Cuiabá Mário Nadaf (PV).

O deputado estadual Lúdio Cabral (PT) afirmou que o partido terá uma candidatura petista, apesar de descartar que esteja interessado na disputa. Entretanto, o nome de Lúdio corre no diretório estadual da sigla, bem como do ex-deputado Carlos Abicalil (PT).

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Ex-prefeito de Poconé faz acusações sem provas contra interventora

Leia em seguida

Juiz determina despejo de 300 famílias da comunidade Flor da Mata