Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

sexta-feira, 28 de janeiro de 2022

Wilson vende a alma para Mendes em troca de candidatura à prefeito

Troca de favores: Acordo para fazer parte da base do governo

O deputado Wilson Santos (PSDB) já não consegue enganar mais ninguém com suas piruetas verbais e dissimulações. Ao acertar sua ida de mala e cuia para a base do governador Mauro Mendes (DEM), por exemplo, deu a justificativa que, em contrapartida, Mendes construísse um campus da Unemat em Cuiabá. Ocorre, porém, que esta obra já é uma prioridade do governo e está entre as promessas de campanha do governador. Santos, portanto, pegou carona em algo nobre para, novamente, tentar enganar seus eleitores em particular, e a sociedade em geral.

Antes disso, realizou uma reunião num hotel da cidade para dizer que estava ouvindo sua base, o que de fato foi apenas um movimento para explicar uma posição pessoal que já havia tomado, já que logo em seguida foi a um evento onde compôs o dispositivo governamental e, aos jornalistas, anunciou sua decisão. Ato  contínuo, não fez nenhuma manifestação oficial ao seu partido.

O galinho, como é conhecido Wilson Santos, recebeu outro apelido em sua carreira política: Pinóquio. E, pasmem, quem deu este apelido foi o próprio Mauro Mendes, com quem travou uma guerra particular, desde quando o atual governador de Mato Grosso se lançou na carreira política, disputando a prefeitura de Cuiabá, em 2008. Naquele ano, Wilson derrotou Mendes no segundo turno, obtendo 175.038 votos válidos (60,47%), contra 114.432 votos (39,53%) de Mendes que era filiado ao PR e tinha como padrinho político o ontão governador Blairo Maggi.

O enredo da histórica subsequente todos conhecem e, agora, tudo é reescrito sob grossa camada de dissimulação, e uma verdade escondida a sete chaves: A candidatura de Wilson à prefeitura de Cuiabá em 2020

Todos sabem que Mauro Mendes quer sangrar o atual prefeito, Emanuel Piheiro (MDB), que é uma figura em ascenção meteórica e, segundo analistas políticos, deve vencer em primeiro turno, colocando em xeque o reinado de Mendes nos próximos anos. Nada mais providencial, portanto, que bancar mais um candidato à prefeitura, a altura de Wilson, que é capaz de qualquer horror numa campanha eleitoral.

Os sinais trocados podem ser apenas uma dissimulação. Wilson já enfrentou Pinheiro e fez barbaridades que o diminuíram a ponto de quase ser expulso da vida política, tendo arrasadores 14.855 votos para deputado, o que quase lhe deixa sem mandato. Uma candidatura de Wilson a prefeitura neste momento lhe daria a visibilidade necessária, somado aos cargos e à proximidade que passará a ter de toda a máquina do governo do estado.

As articulações ocorrem sob absoluto segredo, até porque existem outros interessados na base de Mendes, omo Fábio Garcia e Gilberto Figueiredo. Mas um sinal claro de que algo está sendo engedrado nesse sentido é que o homem de maior confiança de Mendes, o secretário chefe da casa Civil, Mauro Carvalho, já anunciou que não será candidato à prefeitura. Curiosamente, o anúncio ocorre na mesma semana em que os entendimentos com Wilson Santos pulando para a base do governo se desdobram.

Em tempo: Nas eleições de 2016, quando Wilson concorreu à prefeitura, Mendes declinou do apoio, mesmo tendo o PSDB como aliado. Apenas Virgínia Mendes se manifestou, declarando apoio a Emaneul Pinheiro, que venceu no segundo turno.

Ler Anterior

Creche de VG é acusada de vender vagas por R$ 400 reais

Leia em seguida

Janaina Riva reforça Cota Zero e diz que tempo da piracema é precipitado