Notícias de Última Hora :

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Cabo Conan ataca almoço beneficente e chama causa animal de “viadagem” veja

O ex-policial militar Rodolfo Santa Filho, conhecido como Cabo Conan, especulado com pré-candidato a vereador por Várzea Grande nas eleições de outubro, causou polêmica ao comentar um almoço beneficente que está sendo promovido por ativistas da causa animal. No vídeo postado nas redes sociais, afirma que já comeu carne de gato e que vai abandonar seu cachorro quando não lhe servir mais. Além disso, usou palavrões e fez declarações homofóbicas para justificar seu posicionamento.

“Almoço beneficente pra cachorro, 20 real (sic)! Com tanta gente morrendo, com tanta instituição precisando e você fazer almoço beneficente para cachorro? Me respeita! Eu vou no almoço se o prato for o cachorro pra mim comer. Vão procurar o caminhão que vocês caíram da mudança. Vão fazer almoço beneficente pra criança abandonada, pare de viadagem (sic), cecerice (sic)”, disse o Cabo Cona.

Os ativistas da causa animal já reagiram ao vídeo do Cabo Cona. A militante Michelle Scopel, da ONG OPA-MT, fez a seguinte postagem:

“Ajudar a causa animal, não exclui as pessoas de ajudarem em outras causas, cada um ajuda a causa que mais o agrada. Infelizmente, esse tipo de pensamento sem nexo, não me surpreende em uma pessoa como esse sujeito, que se expõe ao ridículo de ficar falando publicamente tanta besteira.”

O Almoço Animal, atacado pelo Cabo Conan, será realizado no próximo dia 16 de fevereiro, com ingressos a R$ 15. Informações podem ser obtidas pelos telefones (65) 99956 7125 ou (65) 996239940 com Tainara.

Polêmicas

Apesar do discurso moralista nas redes sociais e como comentarista na TBO, em 05 de abril de 2017 o Cabo Conan foi preso por após invadir a residência da ex-companheira em um condomínio na região central de Várzea Grande e danificar objetos. Segundo a PM, ele estava em aparente estado de embriaguez e violou as regras da tornozeleira eletrônica que usava.

O Cabo Conan era monotirado porque foi condenado a 13 anos de prisão pelo homicídio de Jaciel Monteiro Lopes. A vítima foi colocada na viatura e depois foi assassinada, com dois tiros à queima-roupa dentro do veículo da polícia, em uma estrada deserta no bairro Pedra 90. Segundo informações que constam nos autos, Jaciel estava algemado quando morreu, sem reação de defesa.

Ler Anterior

Governo planeja reformar 200 escolas e intervir em 104 para melhorar nota de MT

Leia em seguida

ovem é liberado de delegacia, chama policiais de “otários” e é preso novamente por desacato