Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Vereador preso por tráfico pode continuar mandato em VG

Câmara Municipal não recebeu nenhum pedido para cassação de Jânio Calistro (PSD)

Mesmo após ser preso preventivamente, desde 19 de dezembro, por envolvimento em tráfico de drogas, o vereador Jânio Calistro (PSD) pode continuar o mandato na Câmara Municipal de Várzea Grande através do seu suplente, Caio Cordeiro (PRP), sem perder a vaga.

De acordo com a vereadora Gisa Barros (PSB), ainda não houve nenhum pedido oficial para a cassação do parlamentar.

Segundo Barros, a vaga de Calistro pode ficar desocupada por até 4 sessões. “Não existe nenhum pedido de quebra de decoro até o momento. Se houver esse pedido, aí nós [Comissão de Ética] damos prosseguimento ao processo. Dentro do regimento interno, se ele faltar 4 sessões, aí o suplente assume”

Sem o pedido de cassação, caso o parlamentar seja solto, ele poderá reassumir a cadeira de vereador que deve ser ocupada pelo suplente. Após os 4 dias de ausência, o presidente da Câmara, Fábio Tardin (DEM), tem até 120 dias para convocar o suplente.

Entretanto, de acordo com Tardin, Caio Cordeiro pode ingressar na Justiça pedindo a posse antes do prazo regimental.

Os vereadores, e a própria população, podem pedir a quebra de decoro de Calistro à Mesa Diretora. Por conta do recesso parlamentar, a Comissão de Ética ainda não se reuniu para deliberar o assunto, e o presidente do parlamento afirmou que irá avaliar quais medidas serão tomadas no retorno das atividades, na próxima semana (19).

Calistro já teve o salário de R$ 10,2 mil e a verba indenizatória de R$ 9 mil cortados durante a ausência.

Ler Anterior

Estudantes ocupam Nilo Póvoas contra fechamento da escola

Leia em seguida

Barbudo cobra promessa de campanha de Mendes em reduzir ICMS de combustível