Notícias de Última Hora :

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

Empresa de aparelhos auditivos atende pacientes em domicílio durante pandemia

sábado, 5 de dezembro de 2020

Prefeita estaria sofrendo chantagem de ex-secretário de Finanças

Diogo Siqueira estaria tentando obter pagamentos relativos a obras

O Ministério Público Estadual (MPE) abriu um inquérito civil contra o ex-secretário de Finanças de Chapada dos Guimarães, Hermes Eduardo de Souza e Silva, e o ex-funcionário da empresa CMF Empreendimentos ME, Diogo Pimenta de Siqueira.

O caso refere-se a uma suposta tentativa de chantagem contra a prefeita Thelma Oliveira (PSDB).

O procedimento foi aberto pelo promotor de Justiça Leandro Volochko nesta segunda-feira (10).

De acordo com o promotor, o inquérito tem como base uma notícia de fato encaminhada pela prefeita, pelo procurador-geral do Município, Renato de Almeida Orro Ribeiro e pelo próprio então secretário de Finanças, Hermes Silva, denunciando que Diogo Siqueira estaria tentando chantagear a Prefeitura para tentar obter pagamentos relativos a obras em realização e/ou evitar punição administrativa.

O promotor, no entanto, não detalha de que forma foi feita esta suposta chantagem.

Na notícia de fato, conforme Volochko foi anexado um áudio de uma conversa gravada entre Hermes e Diogo, que seria utilizado para possível abertura de investigação pela Câmara de Vereadores numa tentativa de afastar a prefeita.

Para o promotor,  o conteúdo do áudio, no entanto, levantou suspeita também sobre Hermes no caso.

“Muito embora a NF [notícia de fato] seja no sentido de convencer o Ministério Público sobre a existência de uma possível chantagem em curso contra a Prefeita de Chapada dos Guimarães, chama a atenção o áudio para o comportamento pouco ortodoxo/republicano do então secretário municipal de finanças, sr. Hermes, no sentido de ajudar e orientar o funcionário da empresa contratada para realizar obras públicas a não tomar prejuízo” afirmou Volochko.

“Entendo que o diálogo travado inspira suspeitas de possível manipulação em planilhas das obras para, justamente, evitar-se eventual prejuízo da empresa CMF Empreendimentos ME relativo ao contrato n. 055/2018”, acrescentou o promotor.

0 Reviews

Write a Review

Ler Anterior

Votação para cassação de Abílio é suspensa por atraso de vereador

Leia em seguida

Ministério Público pede demissão de 220 servidores da Câmara de VG