Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 7 de março de 2021

Multas de amarelinhos e aglomeração são registradas próximo a agências bancárias no primeiro dia obrigatório com máscaras

Fotos: Carioca

Fiscais da SEMOB não tem tomado conhecimento da situação de cada cidadão que estaciona momentaneamente próximo a uma agência bancária da Caixa Econômica Federal, na Avenida Lava Pés, no bairro Quilombo, em Cuiabá. O fato ocorre, durante a manhã desta terça-feira (5). Muitos dos motoristas reclamam que param para deixar parentes idosos, cadeirantes e com problemas de saúde que precisam sacar a quantia de R$ 600,00 paga pelo governo federal, neste período da Covid-19.

Sem local adequado para estacionar, muitos têm que esperar no carro. No entanto, a avenida é estreita o que deixa o trânsito lento e congestionado na região que dá acesso a avenida Miguel Sutil.

Outro problema está ocorrendo devido a aglomeração de pessoas próximas as outras. As pessoas aguardavam a abertura de uma agência bancária para sacar o auxílio emergencial de R$ 600,00 pago pelo governo federal, no período da Covid-19.

A atuação da PM e dos fiscais da prefeitura será para o cumprimento da lei que estabelece o pagamento de multa no valor de R$ 80 por pessoa (consumidor, funcionário, proprietário, diretor) que estiver sem o equipamento de proteção individual.

 

Ler Anterior

Segurança Pública Municipal

Leia em seguida

Alunos da UFMT debatem quarentena nas periferias do Brasil