Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Cuiabá está entre as 10 cidades brasileiras menos vulneráveis à Covid-19

Cuiabá integra o ranking das dez cidades menos vulneráveis à Covid-19. O dado foi divulgado pela Revista Exame, que teve acesso exclusivo à pesquisa realizada pelo Instituto Votorantim e que traça um cenário da pandemia no país. Conforme a reportagem, integram o ranking as cidades de Colina (SP), São Bernardo do Campo (SP), Nova Lima (MG), Flores da Cunha (RS), Colômbia (SP), Cuiabá (MT), Extrema (MG), Porto Reral (RJ), Olímpia (SP) e Gavião Peixoto (SP). A reportagem é assinada pela jornalista Ligia Tuon.

O Índice de Vulnerabilidade dos Municípios (IVM), que foi criado nesta semana, mostra a capital do Estado como a única a figurar entre as dez menos vulneráveis. De acordo com a reportagem da Revista Exame, o levantamento considera o número de leitos disponíveis na UTI e de respiradores. Além desses, o IVM considera fatores como a proporção da população idosa, o PIB per capita e a situação fiscal da cidade.

O Índice varia de 0 a 100: quanto mais alto o valor, maior é a vulnerabilidade. É possível ver em que situação está seu município viajando pelo mapa do Brasil. A reportagem pode ser conferida na íntegra aqui.

Ao todo, o índice tem dezoito indicadores distribuídos em cinco pilares temáticos de diferentes pesos: população vulnerável (peso: 32,35%) , economia local (peso: 11,76%) , estrutura do sistema de saúde (peso: 23,53%), organização do sistema de saúde (peso: 20,59%) e capacidade fiscal da administração municipal (peso: 11,76%).

No levantamento foram usados somente dados públicos de diferentes bases, como a do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Sistema Único de Saúde (SUS), Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANSS).

Para atender os pacientes do novo Coronavírus, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, determinou a criação do Hospital de Referência à Covid. A unidade disponibiliza 170 leitos de enfermaria e ainda 55 leitos de UTIs, para atendimento exclusivo. “Uma clara demonstração de respeito a nossa população. Minha intenção era de que nossa capital não tivesse casos da doença e nem perdas de vidas. Cuiabá é hoje a capital com menor número de óbitos pela doença. Infelizmente, duas pessoas perderam à vida para doença e por isso temos esse compromisso de continuar o embate ao novo Coronavírus”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Para o prefeito, as medidas adotadas são duras, mas necessárias para que a Capital do Estado continue achatando a curva de crescimento da doença. Dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde, apontam que Mato Grosso possui um total de 857 casos da doença. Cuiabá registra 265, o que representa 30,8% dos casos em todo estado.

Ler Anterior

Assessora de Avalone testa positivo para Covid-19 e casos na Assembleia chegam a 6

Leia em seguida

Câmara aprova e Prefeitura vai pagar auxílio emergencial a mais de 1,6 mil trabalhadores