Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 7 de março de 2021

Maluf propõe que agentes comunitários façam mapeamento da Covid-19 em MT

Foi proposto pelo presidente do Tribunal de Contas do Estado, Guilherme Maluf, nesta última quinta-feira(21), a utilização de agentes comunitários de Saúde no mapeamento dos casos do novo coronavírus (Covid-19) nos municípios.

O uso da mão de obra dos agentes, apontado como saída emergencial em meio a pandemia, fez parte do debate, por meio de live realizada pela Corte de Contas, entre Maluf e o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, e contou com a participação de mais de 40 municipios.

O debate com o tema “A saúde pública de Mato Grosso no enfrentamento à Covid-19” teve mais de mil acessos pelo Youtube e Facebook. A abertura da live foi feita pelo conselheiro Luiz Henrique Lima.

“O TCE-MT quer propor ao Governo do Estado e a SES de criar um protocolo para que os municípios utilizem os agentes comunitários de saúde e agentes de endemias para mapear os casos de Covid-19, fazendo uma busca ativa dos possíveis contaminantes do coronavírus. É claro, tendo todo o protocolo, com equipamento de proteção individual, termômetro”, disse o conselheiro Guilherme Maluf.

De acordo com Figueiredo, a proposta já vem sendo analisada pelo Estado que está aprofundando a competência dos agentes comunitários de saúde e de endemias. “Vamos iniciar a qualificação de 9 mil profissionais dessa área. É um ideia genial e importante, presidente, vamos fazer o chamamento de prefeitos e secretários para engajar nisso”, afirmou.

O projeto, denominado “Detetive-Covid” tem por objetivo apoiar operacionalmente o poder público a partir do alinhamento de soluções conjuntas e harmônicas para o enfrentamento da propagação da Covid-19. “Temos um exército de mais de 10 mil de agentes comunitários de saúde e de endemias, utilizando esses profissionais, teríamos um mapa real dos casos dessa endemia, podendo orientar melhor a população”, comentou Maluf

Balanço da Corte em live

O presidente do TCE-MT fez um balanço das ações da Corte de Contas no período da pandemia. Lembrou da parceria com a Fiemt para a manutenção de respiradores para as unidades de saúde, os trabalhos de orientação e controle externo da equipe técnica.

“Criamos uma força tarefa que começou a fazer estudos, estamos tendo sessões por videoconferência para manter os serviços para a sociedade e auxilar durante o período da pandemia. Tivemos ações orientativas e práticas por parte do TCE-MT, cumprindo a sua missão constitucional”, avaliou Maluf.

O secretário Gilberto Figueiredo lembrou que há 5 meses, o mundo convive com o vírus, um inimigo pouco conhecido. “Não é uma batalha de um homem só e sim de todos os gestores. Quero agradecer o apoio irrestrito que temos do TCE-MT, vindo de um presidente que é medico e de todos os conselheiros. Vamos ultrapassar esse período com dedicação e fazer de tudo para salvar as pessoas que necessitam do SUS no brasil”.

A inauguração de mais de 200 leitos do Hospital Metropolitano exclusito para pacientes da covid-19 foi lembrada pelo secretário de Saúde, que destacou as ações de Mato Grosso no enfrenamento ao coronavírus. “Mato Grosso não ficou a reboque das iniciativas do Governo Federal. O Governo de Mato Grosos não esperou iniciativas do Ministério da Saúde para contratar serviços, compramos equipamentos de proteção individual, aumentamos leitos”, citou.

Sobre os próximos dias, o secretário de Saúde disse que espera desconforto, que o mundo não está preparado, mas que o Governo de Mato Grosso, assim como todos os estados e países, está correndo contra o relógio para criar uma melhor condição possível.

Ler Anterior

CPI da Semob aponta falha na apreensão de veículos em Cuiabá

Leia em seguida

Crivella diz ter acordo para retorno de treinos, mas Fluminense nega