Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 28 de fevereiro de 2021

Emanuel elogia população por ficar em casa

O prefeito de Cuiabá,  Emanuel Pinheiro, resumiu  os primeiros dias da validação do “Toque de Recolher” em uma palavra: gratidão. Mais uma vez a população cuiabana foi parceira da Prefeitura de Cuiabá em mais um projeto que visa combater a proliferação do vírus em nossa cidade.

A medida, que visa resguardar o bem coletivo,  só não terá validade aos trabalhadores dos serviços essenciais, como segurança pública e saúde. A nova medida de combate ao novo Coronavírus na capital foi anunciada pelo prefeito Emanuel Pinheiro, no dia 10 de junho, por meio do decreto nº 7.956. No total, vinte e duas equipes atuaram no final de semana.

Antes mesmo do início do horário previsto para o início, meia hora antes, as 22 horas, as ruas da Capital estavam completamente vazias. “Todos nós sabemos que Cuiabá é conhecida por sua característica de vida noturna. No entanto, as pessoas atenderam ao nosso chamado e entenderam o nosso propósito, que é o de estabelecer medidas de prevenção e combate ao novo Coronavírus”, declarou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Com mais essa iniciativa, que segue até o dia 28 de junho, ponderou Pinheiro, estamos dando mais um passo importantíssimo para conter a proliferação do Covid-19 aqui na Capital, ao promover o “Toque de Recolher”, das 22h30 às 5 horas da manhã. “Escolhemos esse período, pois e a noite que todos nós relaxamos mais e o contato entre as pessoas aumenta. Por isso, a importância do isolamento social, sem aglomerações populares”, ressaltou.

“Além da compreensão da população, quero aqui registrar o agradecimento a nossa grande parceira, a Polícia Militar e o nosso secretário municipal de Ordem Pública, Leovaldo Sales, que coordenou a ação com autoridade sem autoritarismo. Com liderança, disciplina e ordem, tivemos o resultado das primeiras abordagens de sucesso absoluto”, assegurou o chefe do Executivo Municipal.

O toque de recolher segue valendo até o dia 28 de junho. As operações de fiscalização serão sempre executadas mediante uma atuação integrada entre as secretarias municipais de Ordem Pública, Mobilidade Urbana, Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável, e com o apoio da Polícia Militar.

“Meu povo, minha querida população cuiabana, não fugiu e atendeu ao nosso chamado, respeitando o toque de recolher. São com medidas iguais a essa que vamos conseguir continuar mantendo a Capital entre as cidades com menores índices de óbitos registrados pelo novo coronavírus”, concluiu.

 

Ler Anterior

Prefeitura de cuiabá entrega em agosto obra de 5 escolas

Leia em seguida

TJ mantém demissão e servidora envolvida em fraudes perderá salário de R$ 23 mil na AL-MT