Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 7 de março de 2021

Prefeitura de Cuiabá antecipa compra de medicamentos para evitar falta

Diante das notícias que se tem de outras cidades e estados sobre a falta de medicamentos utilizados no tratamento dos pacientes com Covid-19 na rede pública de Saúde, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, decidiu evitar a situação a antecipar a compra dos medicamentos para que não faltem na capital.

“Cuiabá está estável, mas nós queremos nos antecipar, fazer os estoques necessários das medicações, principalmente no período da pandemia para o combate da Covid-19”, afirmou.

Conforme o prefeito, manter o estoque das unidades de saúde, tanto de atenção básica, quanto secundária e de alta complexidade, tem sido uma luta empreendida desde o começo de sua gestão, independentemente de pandemia. “Mas estamos fazendo todo o controle, todas as aquisições necessárias porque em um leito de UTI, em uma enfermaria, é indispensável o profissional de saúde, são indispensáveis os equipamentos, as medicações e insumos também são indispensáveis. Todo um conjunto para poder atender e salvar vidas”, complementa.

Pinheiro explicou que todas as decisões sobre quais medicamentos devem ser utilizados no tratamento dos pacientes internados com a Covid-19, são debatidas no comitê especial composto por médicos infectologistas, técnicos das Secretarias de Saúde municipal e estadual e membros do Conselho Regional de Medicina (CRM-MT), que embasam as decisões do Comitê de Enfrentamento à Covid-19.

O objetivo é adotar medidas baseadas em evidências científicas e que sejam consenso na comunidade acadêmica mundial para implementar o protocolo de manejo clínico de pacientes com Covid-19, que é dividido em leve, moderado e grave, considerando as condições de cada paciente.

“O que eu quero é tomar as decisões que salvem, que protejam a saúde e a vida das pessoas. Evidentemente, não causando um efeito colateral que possa levar ao óbito por outra comorbidade. O que eu quero é salvar vidas, é proteger a população cuiabana”, afirma Pinheiro.

Ler Anterior

Leis e ações ajudam a combater a Covid-19 em Mato Grosso

Leia em seguida

Emanoel está reunido com PGM para decidir se recorre de decisão judicial