Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

segunda-feira, 1 de março de 2021

Influencer, mulher de ex-deputado é indiciada por matar criança atropelada

A influencer Lidiane Campos, mulher do ex-deputado federal Adilton Sachetti (PRB-MT), acusada de ter atropelado e matado uma criança, de 3 anos, em agosto de 2019 em Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá), foi indiciada pela Polícia Civil de Mato Grosso.

De acordo com a Polícia Civil, o inquérito foi concluído há 15 dias e divulgado nesta terça-feira (14). Lidiane dirigia uma caminhonete, que atingiu uma motocicleta, onde estavam um casal e a criança. Ela fugiu sem prestar socorro.

A defesa de Lidiane informou que, por enquanto, não vai se manifestar, pois ainda não teve acesso aos documentos do indiciamento.

Dayane Palmeiras dos Santos, de 35 anos, o marido dela, Marcos Souza da Costa, de 30 anos, e Daniel Augusto Costa, de 3 anos, filho de Marcos e enteado de Dayane, estavam na moto retornando de uma comemoração do Dia dos Pais.

Lidiane foi indiciada por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) na direção de veículo e por omissão de socorro. Nas investigações, não foi possível comprovar embriaguez. O inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário em Rondonópolis.

À época, Lidiane afirmou, por meio de advogado, que deixou o local do acidente por medo de ser agredida.

Por meio de nota, a assessoria da Polícia Civil informou que o inquérito policial sobre o acidente que causou a morte da foi concluído pela delegada Ludmila Vendramel.

Ler Anterior

Prefeitura convida órgãos de controle para integrar comitê de fiscalização aos gastos com a pandemia

Leia em seguida

Dr Carretoni esta com covid e já tem 60% dos pulmões comprometidos