Notícias de Última Hora :

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

sexta-feira, 23 de julho de 2021

Prefeitura é acusada de pagar aluguel dobrado por imóvel da Saúde

O Ministério Público Estadual (MPE) instaurou um inquérito para investigar um suposto ato de improbidade administrativa na Prefeitura de Colíder (634 km de Cuiabá). Segundo a denúncia, no prédio do Departamento de Vigilância em Saúde, da Farmácia Central e Almoxarifado da Saúde, existem dois contratos de aluguéis referente somente a um imóvel.

A investigação foi aberta pelo promotor Danilo Cardoso Lima, da 1ª promotoria de Justiça Cível de Colíder, no dia 14 de janeiro.

A denúncia foi encaminhada ao Ministério Público (MP) por três vereadores do município, onde apontaram que além do contrato duplicado, a prefeitura também teria ganhado o prédio do antigo Fórum da cidade, que comportaria vários órgãos, e que está abandonado no momento, enquanto Executivo paga alugueis.

De acordo com o promotor, o objetivo das investigações é “apurar eventual prática de ato de improbidade administrativa em decorrência da celebração de dois contratos distintos de locação de imóvel para funcionamento do Departamento de Vigilância em Saúde e da Farmácia Central e Almoxarifado da Saúde, relativos a um único imóvel, inclusive pelo fato de o imóvel onde funcionava o antigo fórum desta comarca ter sido “entregue” ao município de Colíder e encontrar-se sem utilização pela Administração Pública municipal”.

A portaria ainda determina que o prefeito da cidade, Noboru Tomiyoshi (PSD), seja notificado, além do diretor do Fórum.

Ler Anterior

Beto “dois a um” assume Secretaria

Leia em seguida

Detran-MT retoma atendimento ao público em mais 12 municípios