Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 28 de fevereiro de 2021

Fogo já queimou cerca de 5 mil hectares de área de proteção em Chapada

O fogo já destruiu aproximadamente 5 mil hectares, que fica numa Área de Proteção Ambiental (APA) estadual, em Chapada dos Guimarães. Tem cinco dias que as chamas começaram e estão avançando rapidamente devido ao vento e à vegetação seca.

O incêndio que os brigadistas tentam combater está a 4 km do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães.

A brigada do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) montou uma linha de defesa de aproximadamente 10 km, utilizando uma trilha preexistente.

Ao longo dessa trilha foram feitas queimas prescritas nos meses chuvosos, mais conhecidos como aceiros, para barrar o avanço das chamas.

Além da equipe do ICMBio, trabalham no combate ao fogo bombeiros militares e militares do Exército Brasileiro.

Na sexta-feira (28), as equipes foram chamadas para atender um incêndio nas proximidades das áreas de pousadas, localizadas perto dos paredões, que ameaçava atingir as edificações. O fogo foi extinto horas depois.

 

Ler Anterior

Tio passa a mão e ameaça estuprar menina de 13 anos em VG

Leia em seguida

Simaria mostra momento íntimo com marido e faz temperatura subir