Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

sábado, 27 de fevereiro de 2021

Mendes descarta Leitão: “Não posso apoiar quem não me apoiou”

O governador Mauro Mendes (DEM) descartou a possibilidade de apoiar o pré-candidato ao Senado Nilson Leitão (PSDB). Isso porque o tucano não fez parte do arco de alianças que o elegeu ao Executivo em 2018.

No pleito passado, Leitão foi candidato derrotado ao Senado e esteve junto ao ex-governador Pedro Taques (SD), também derrotado.

“Eu não tenho nada contra o Nilson Leitão, até o tenho em alta estima. Mas não posso apoiar a quem não me apoiou. Carlos Fávaro me apoiou, Pivetta me apoiou. Um desses dois vai ter o meu apoio”, afirmou, antes da desistência anunciada por Pivetta, nesta quarta.

A possibilidade do DEM anunciar oficialmente apoio a Nilson Leitão veio após os irmão Jayme e Júlio Campos (senador e ex-governador, respectivamente) e do deputado federal Dilmar Dal’Bosco declarem apoio a chapa do tucano.

Júlio Campos, inclusive, afirmou que que comporia a chapa como primeiro suplente do tucano em encontro realizado em agosto. Para Mauro, a decisão do trio foi equivocada.

“Nós temos que defender a livre manifestação de opiniões. Isso é pilar da democracia. Porém o DEM não é feito pelo Júlio, Jayme e Dilmar que sozinhos decidiram isso”.

“Temos 70 membros do Democratas que precisam ser respeitados e a eles cabem essa decisão. Em algum momento eles vão decidir qual rumo o partido irá tomar”, afirmou.

O democrata se refere a decisão da cúpula do partido em definir o apoio ao Senado durante a convenção partidária que deve ocorrer em breve.

Segundo a nova legislação eleitoral, os partidos tem até o dia 16 de setembro para realizarem o encontro.

Ler Anterior

Regras da reforma administrativa não afetam juiz, parlamentar e militar

Leia em seguida

Auxílio emergencial: veja quem pode perder parcelas de R$ 300 pelas novas regras