Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

Governo pode liberar R$ 134 milhões para combater incêndios na Amazônia e no Pantanal

O ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente) pediu ao ministro Paulo Guedes (Economia) a liberação de R$ 134 milhões. Em ofício enviado na última 4ª feira (9.set.2020), Salles disse que a verba será destinada ao combate às queimadas na Amazônia e no Pantanal.

Salles argumentou que a pasta não tem recursos. Disse que existe risco de paralisação das medidas contra o desmatamento, fiscalização e gestão de unidades de conservação. Em junho, o ministro pediu reforço de R$ 230 milhões, mas a Economia liberou apenas R$ 96 milhões. Com o pedido de agora, Salles quer garantir a totalidade do valor solicitado inicialmente.

O Pantanal está em situação caótica. Só em 2020, o fogo já consumiu 17.500 quilômetros quadrados de mata, o equivalente a mais de 10% da área do total de um dos biomas mais importantes do mundo. Desde 1998, nunca houve tantos focos de calor entre janeiro e agosto como agora: foram 7.727 registrados até 18 de agosto. Um aumento de 211% em relação ao mesmo período do ano passado.

Ler Anterior

Democratas oficializa Kalil Baracat, Hazama e dezessete pré – candidatos a vereadores

Leia em seguida

Escolas particulares retomam aulas presenciais em Cuiabá