Notícias de Última Hora :

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

Empresa de aparelhos auditivos faz atendimento humanizado a pacientes

Um baile de máscaras em meio à pandemia

domingo, 7 de março de 2021

Prefeito Ep diz que não foi intimado formalmente e que tem ‘fé’ na Justiça

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) emitiu nota esclarecendo sobre a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra ele de quando ainda era deputado estadual sobre um suposto esquema de mensalinho. Segundo Emanuel, ele não foi intimado formalmente.

O MPF denunciou o ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, seu então chefe de gabinete, Silvio Cesar Correa Araujo, por corrupção ativa e associação criminosa. Também foram denunciados pelos mesmos crimes, dez ex-deputados estaduais, entre eles Emanuel Pinheiro.

Os denunciados são acusados de compor um grupo de deputados da Assembleia Legislativa (ALMT) que recebiam dinheiro, conhecido como “mensalinho”, para garantir a governabilidade e a aprovação das contas do Executivo estadual.

O mensalinho veio a tona, após investigações da Operação Ararath. Segundo delação premiada de Silval, os pagamentos eram realizados aos deputados com “fim exclusivo e único” para aprovação de projetos do Governo do Estado.

Ele garantiu que no momento a sua prioridade é o povo cuiabano e continuar com suas responsabilidades com a Capital mato-grossense. Declarou ainda que “tem muita fé na justiça e esperança no futuro”.

“Sobre as notícias veiculadas na mídia nesta manhã de sábado, 12/09/2020, informo que tomei conhecimento apenas pela imprensa do eventual recebimento da denúncia por parte do juízo da 5ª Vara Federal de Mato Grosso, portanto, até o presente momento não fui formalmente intimado do teor de tal decisão”, cita a nota.

Ler Anterior

OAB adere a campanha contra oferta de serviços jurídicos de condomínios

Leia em seguida

MT registra 18 mortes por Covid em 24h; são 3.111 óbitos e 105 mil casos