Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

PF desbarata esquema no Ibama em MT e 8 Estados; fraude é de R$ 150 mi

 

A Polícia Federal (PF) realiza, na manhã desta terça-feira (15/9) a Operação Tokens para investigar fraudes em certificados digitais de fiscais e gestores do Instituto Brasileira do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Os agentes cumprem 5 mandados de prisão e 48 de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal do Distrito Federal. As ordens judiciais foram executadas em 29 cidades de nove unidades federativas: Goiás, Tocantins, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul, São Paulo e Distrito Federal

De acordo com a PF, as fraudes beneficiaram proprietários rurais e empresários do ramo de exploração florestal e agropecuária com áreas embargadas nos estados do Pará e Mato Grosso.

As investigações apontaram para a existência de “122 desembargos irregulares em nome 54 pessoas físicas ou jurídicas, com potencial prejuízo para a União da ordem de R$ 150 milhões em multas não recolhidas e descumprimento de embargos em áreas ambientais sensíveis da Amazônia legal“.

O inquérito foi instaurado a partir da identificação, pelo Ibama, de fraudes ocorridas contra diversos dos superintendentes, agentes e fiscais, com o uso de tokens expedidos indevidamente por terceiros falsificadores.

Os investigados podem responder por crimes contra o meio ambiente, além de estelionato e uso de documento falso, alteração de sistemas de dados, descumprimento de ordens de embargos e possível prevaricação e corrupção.

METRÓPOLES

 

Ler Anterior

Lúdio Cabral cobra que governo federal atue no combate aos incêndios no Pantanal

Leia em seguida

Neto dispara contra protesto de torcedores: ‘Vão rebaixar o Corinthians de novo’