Notícias de Última Hora :

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

sábado, 19 de junho de 2021

Filho de Gonzaguinha diz que não autorizou Abílio a usar música

O músico e produtor Daniel Gonzaga denunciou o uso sem autorização de trecho da música “E vamos à luta” de autoria do seu pai, o cantor Gonzaguinha, pelo vereador Abílio Júnior, candidato a prefeito em Cuiabá.

 

A manifestação foi feita por meio de uma postagem no Twitter nesta quarta-feira (28).

 

A chapa do Abílio, que tem como vice o vereador Felipe Wellaton (Cidadania), usa como jingle o trecho da música que diz: “Eu acredito é na rapaziada”. Daniel afirma que o uso não tem autorização de sua editora, dona dos direitos autorais sobre a composição.

 

O trecho da música é usado em peças publicitárias exibidas na TV e no rádio.

 

Daniel contou que já encaminhou um e-mail para o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, mas o contato não foi retornado.

“Alô, @oficial_tremt. Já mandei email, sem resposta. Tem candidato utilizando a música de minha editora, sem autorização. ‘Eu acredito é na rapaziada’ é a música, em Cuiabá. Podem me retornar, por favor?”, disse em postagem.

 

O filho de Gonzaguinha ainda provocou o partido de Abílio, o Podemos, a se manifestar sobre o uso da música.

 

“Alô, @podemos19. Pode entrar em contato para tratar da utilização indevida da música ‘eu acredito e na rapaziada’?, propriedade da minha editora? Todos os Contatos que vocês passaram foram equivocados. Isso é contra a lei”, cobrou o músico.

 

Daniel afirmou que tentou contato com a sigla por números disponibilizados nos meios digitais, mas não obteve retorno. Em um deles, foi repassado o contato do senador carioca Romário, também do Podemos.

 

“O partido @podemos19  disponibiliza número pra vc entrar em contato pelo Wzap. Não existe nem Wzap! Disponibiliza pra reclamações o telefone do gabinete do @RomarioOnze. Tá sabendo disso artilheiro? Fui reclamar de político de Cuiabá e mandaram ligar pro senhor”, provocou Daniel.

 

Gonzaguinha, que morreu em um acidente de carro em abril de 1991, foi considerado um dos principais músicos brasileiros entre os anos 70 e 80.

 

O outro lado

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do candidato Abílio, mas não obteve retorno até o fechamento dessa matéria.

À assessoria de imprensa do TRT Mato Grosso informou que o caso, por se tratar de direitos autorais referente a música, deve ser encaminhado à Justiça comum.

Fonte Midia news CÍNTIA BORGES

 

Ler Anterior

Secretária adia convocação de concurso

Leia em seguida

Lei que desvincula Corpo de Bombeiros da PM completa 26 anos