Notícias de Última Hora :

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

quarta-feira, 28 de julho de 2021

Polícia: Homem fez mãe refém com faca para não ser internado novamente

A vítima, mãe do tornozelado Lucas Adriano, contou aos militares que o filho não toma sua medicação controlada há dias e ainda estava usando drogas, o que teria motivado o surto.

O jovem que sofreu um surto psicótico, ameaçou a própria mãe com uma faca e a fez refém durante a manhã desta quarta-feira (16), no bairro Morada da Serra, em Cuiabá, foi identificado como Lucas Adriano Campos Diniz, 22 anos.

 

O rapaz, que é ex-presidiário monitorado por tornozeleira eletrônica, se rendeu depois de cerca de 2 horas de negociação com os militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

A vítima saiu ilesa do episódio e explicou aos policiais que o filho, com problemas psicológicos, não tomava sua medicação há vários dias, porém, estava consumindo drogas, surtou nesta manhã após descobrir que ela havia acionado o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para encaminhá-lo a um hospital para ser medicado e posteriormente internado em uma clínica.

Drogado e revoltado com a possibilidade de ser internado mais uma vez, Lucas teve o surto, se armou com uma faca, fez ameaças contra a mãe e a manteve refém.

 

O Bope foi acionado, conseguiu contato com o rapaz, em por pouco mais de duas horas, os militares conseguiram ir tranquilizando o tornozelado, que foi se acalmando até aceitar se entregar.

O Samu entrou na residência, Lucas aceitou ser medicado e foi encaminhado a uma unidade de saúde. Em seguida, conforme solicitado pela mãe anteriormente, o rapaz deverá ser internado em uma clínica para novo tratamento.

“Existiram os picos de ânimos mais exaltados, depois fomos diminuindo a tensão até que ele concordou com o que propomos e se entregou. Ele já esteve internado, mas agora estava convivendo com a família sob medicação controlada e a mãe dele disse que o filho não tomou a medicação por esses dias o que ocasionou tudo isso.  O Samu vai conduzi-lo para um hospital para continuar o tratamento e muito provavelmente será internado novamente para manter o tratamento”, explicou o tenente-coronel Roque, comandante do Bope.1717

Ler Anterior

Por ordem do STF, criminosos terão prioridade na vacinação contra a covid

Leia em seguida

Policial penal leva três tiros ao reagir durante assalto no Pedra 90