Notícias de Última Hora :

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

domingo, 1 de agosto de 2021

Polícia Civil prende ex de mulher que gravou vídeo pedindo socorro

“Eu não quero ser mais uma vítima do feminicídio. Eu preciso viver”, disse Núbia Jaques

A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira Wellington Amorim, de 33 anos, acusado de descumprir uma medida protetiva obtida pela ex-companheira, que o acusa de violência doméstica.

Conforme apuração da delegacia, a vítima, Núbia Jaques, de 35 anos, sofreu também ameaças e houve violação de domicílio.

A prisão foi realizada por uma Equipe da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande.

A delegada titular da unidade, Mariell Antonini Dias Viana, verificando que as medidas protetivas à vítima se mostraram ineficientes, pediu a preventiva, que foi deferida pelo juiz plantonista e cumprida nesta terça-feira.

Desde que a vítima divulgou via rede social o pedido de ajuda, a Polícia Civil e a rede de acolhimento de Várzea Grande se mobilizaram para prestar atendimento à mulher que se apresentava em situação de vulnerabilidade.

Foram fornecidos acompanhamento pela Patrulha Maria da Penha e atendimento psicológico pela Rede Lírios e ela recebeu também acolhimento qualificado na Delegacia da Mulher, resultando na salvaguarda dos direitos fundamentais da vítima.

 

“Trabalhamos com afinco, em rede, para evitar aumento nos índices de feminicídio, dando atenção individualizada a cada caso que aporta na unidade”, explicou a delegada.

 

O suspeito será encaminhado a uma unidade prisional de Várzea Grande, onde ficará à disposição da Justiça.

 

“Preciso viver”

 

O vídeo de Núbia foi divulgado no final de semana. Nele, a designer de joias diz que teme morrer.

 

“Eu não quero ser mais uma vítima do feminicídio. Eu preciso viver. Não quero ser mais uma encontrada morta na minha casa. Eu quero mobilizar alguém que esteja me vendo agora pra me ajudar a me livrar dessa situação. Eu decidi não sofrer mais. Eu decidi não ser mais uma vítima dessa violência. Eu não quero morrer. Me ajudem. Eu posso estar viva agora gravando esse vídeo, mas mais tarde eu posso ser só mais uma na estatística. Eu quero paz”.

Ler Anterior

Mais uma pessoa acusa personal trainer de furtar joias em Cuiabá

Leia em seguida

Câmara aprova aumento de salário de vereadores para R$ 18,9 mil