Notícias de Última Hora :

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

terça-feira, 27 de julho de 2021

Plano do Governo prevê investimento de R$ 766 milhões em Segurança

Reforço no policiamento e construção de presídio estão contemplados no programa

O programa Mais MT, lançado pelo Governo do Estado, prevê investimentos na ordem de R$ 766 milhões apenas na área de Segurança durante os quatro anos da Gestão Mauro Mendes (DEM).

As ações na área vão desde o reforço no policiamento e compra de equipamentos até a construção de um presídio de segurança máxima. As medidas devem contemplar os 141 municípios do Estado.

O Governo dividiu os recursos no setor em quatro frentes: Tolerância Zero (R$ 230,7 milhões); Projeto Águia (R$ 176,5 milhões); infraestrutura, modernização e construções (R$ 209,2 milhões); e cidadania, qualificação e tecnologia (R$ 149,6 milhões).

As medidas que integram a “Tolerância Zero” são a ampliação da presença do policiamento, aquisição de armamento de ponta e criação do Batalhão Rural; construção de uma unidade de segurança máxima; investimento em tecnologia e inteligência artificial; construção de quatro mil vagas em presídios.

No “Projeto Águia”, as ações a serem implantadas são instalação de câmeras inteligentes e rádios digitais, bem como investimento em tecnologia e inteligência artificial.

Na parte de infraestrutura, o Governo prevê a compra de veículos, equipamentos e aeronaves, bem como equipamentos, veículos e materiais de combate a incêndio, além da reforma e modernização das unidades de segurança e construção do centro integrado de treinamento.

 

Já no último setor são previstas ações de fortalecimento da ordem pública, estruturação e implantação de processos digitais, investimento em novas tecnologias e sistemas, combate à violência contra a mulher e a vida e ações de treinamento e qualificação.

Mais MT

O Governo de Mato Grosso vai investir R$ 6 bilhões em recursos próprios no programa Mais MT, entre 2021 e 2022. O valor representa 63% dos R$ 9,5 bilhões previstos para as obras e ações previstas no programa e separadas em 12 eixos.

 

São eles: Segurança; Saúde; Educação; Social e Habitação; Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda; Infraestrutura; Turismo; Cultura, Esporte e Lazer; Simplifica MT; Eficiência Pública; Meio Ambiente; Agricultura Familiar e Regularização Fundiária.

 

Os demais recursos do programa são provenientes de operações de crédito (financiamentos), no total de R$ 2,8 bilhões, e mais R$ 711,1 milhões entre convênios com o Governo Federal e emendas parlamentares.

Ler Anterior

Assaltantes invadem loja e roubam armas de PMs em Cuiabá; veja

Leia em seguida

Apesar de quedas, Flamengo encerrou 2020 com o melhor aproveitamento dentre os clubes da Série A