Notícias de Última Hora :

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

sábado, 19 de junho de 2021

Preço do leite tem alta de 15,4% em Cuiabá após aumento no custo de produção

A média de preço do litro de leite está R$ 4,09 em Cuiabá. O valor é 15,4% maior do que no mesmo período do ano passado, segundo o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). Essa alta está ligada ao custo de produção do pecuarista, que aumentou devido a alta das rações.

O aumento do consumo do leite e dos derivados, como o queijo, o iogurte, a manteiga e a margarina também é outro fator que explica os preços mais altos.

De acordo com o Sindicato das Indústrias de Laticínios de Mato Gross (Sindilat), o valor do produto está diretamente ligado ao consumo dos derivados.

Quanto mais as pessoas compram os produtos lácteos, mais o preço do leite sobe.

Ainda segundo o Sindilat, com o auxílio emergencial, as pessoas passaram a comprar mais esses produtos.

Por outro lado, o preço do litro de leite sofreu uma leve queda de 0,77% em abril se formos comparar com março, isso porque no maior mercado consumidor do país, que é São Paulo, o comércio sofreu várias restrições impostas em decretos para tentar conter o avanço da pandemia e isso fez as pessoas consumirem menos.

No entanto, com a reabertura gradual do comércio, a tendência é de novas altas nos próximos meses.

O estado também está próximo ao período de seca e esse é outro fator que contribui para que o valor do leite suba ainda mais, já que diminui a oferta de pasto e, consequentemente, haverá menos leite.

Ler Anterior

Primavera libera uso de praças e quadras públicas

Leia em seguida

Primeira-dama participa de mais uma rodada de entrega da campanha Vacina Solidária