Notícias de Última Hora :

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

quarta-feira, 28 de julho de 2021

CPI vai pedir proteção para deputado que revelou suposta fraude na compra de vacinas

O vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito do Senado (CPI da Covid), Randolfe Rodrigues (Rede-AP), disse nesta quarta-feira (23.06) que vai pedir proteção ao deputado federal Luís Miranda (DEM-DF), que alega ter avisado ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre indícios de crime no processo de compra da vacina Covaxin.

De acordo com Randolfe, existe indícios de irregularidades no contrato celebrado entre o Ministério da Saúde com a empresa Precisa Medicamentos, que intermediou a compra de 20 milhões de doses do imunizante do laboratório indiano Bharat Biotech. Documentos indicam que o Ministério da Saúde pagará 1.000% mais caro pela vacina que o Governo da Índia.

O senador revelou que o irmão do deputado Luís Miranda, o servidor do Ministério da Saúde, Luis Ricardo Fernando Miranda, estaria sofrendo pressões atípicas desde a fase de aprovação da contratação. “A CPI da Covid estará requisitando segurança p/ o Deputado Luís Miranda, ao irmão e aos familiares. As informações que o Deputado está declinando à imprensa e que trará a esta CPI, são de extremo interesse público. Sua vida e de sua família precisam estar resguardadas”, escreveu o Randolfe em seu perfil na rede social.

Contrato de Vacina

O contrato entre Ministério da Saúde com a empresa Precisa Medicamentos prevê entrega de 20 milhões de doses de vacina contra a Covid-19, no valor de R$ 1,6 bilhão. O Governo pagará preço de US$ 15 por cada dose.

No entanto, denúncia aponta que valor pago pelo Governo Brasileiro é superior ao estimado pela fabricante, que era de 100 rúpias por dose, o equivalente a cerca de US$ 1,34.

 

Ler Anterior

Homem é detido após abusar sexualmente da prima de 12 anos em MT

Leia em seguida

Motoristas do transporte coletivo começam a ser vacinados contra a Influenza