Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Congresso recebe iluminação para o Dia do Orgulho LGBTQIA+

O Congresso Nacional foi iluminado especialmente, nesta segunda-feira (28), para celebrar o Dia do Orgulho LGBTQIA+. A iluminação multicolorida fez alusão à bandeira do movimento LGBT, que representa a diversidade, simbolizada pelo arco-íris.

 

A iniciativa partiu dos senadores Humberto Costa (PT-PE) e Fabiano Contarato (Rede-ES), respectivamente presidente e vice-presidente da Comissão de Direitos Humanos (CDH), e do deputado Rafafá (PSDB-PB).

 

Para o co-coordenador da Associação Brasília Orgulho, Welton Trindade, a iluminação é fundamental para se afirmar que o Congresso Nacional só pode ser considerado a casa dos cidadãos se for também a casa dos LGBTs.

 

Importantes leis para LGBTs já passaram no Legislativo federal, tais como a Lei Maria da Penha, que inclui casais de mulheres, e o Estatuto da Pessoa com Deficiência, que abarca diversidade de orientação sexual e identidade de gênero

Entretanto, ainda há trabalho a ser feito, tal como aprovação por lei do casamento entre pessoas do mesmo sexo, e que nenhum retrocesso seja aprovado — enfatizou.

 

Welton lembrou que, em virtude da pandemia, não é possível realizar a parada do orgulho LGBT há dois anos. O evento então tomou novo formato no Distrito Federal com o nome Brasília: Cidade Orgulho, e conta com uma intervenção urbana nas cores do arco-íris, símbolo mundial LGBT. Em Brasília, são dez obras nas modalidades pintura, iluminação, adesivação ou instalação que podem ser localizadas neste mapa.

 

A gente tinha, mesmo na pandemia, que passar essa mensagem de fortalecimento do orgulho e de combate ao preconceito. Colorir a cidade foi a saída criativa que propusemos. E a resposta está sendo incrível. Pessoas podendo sorrir um pouco, espalhando alegria pelas redes sociais, mesmo com tantas notícias ruins sobre a pandemia.

 

Stonewall

 

A Rebelião de Stonewall marcou o dia 28 de junho de 1969 com a revolta da comunidade LGBT de Nova York contra invasões policiais a bares frequentados pelo público gay.

 

A revolta desencadeou outros protestos em várias cidades dos Estados Unidos em favor dos direitos dos homossexuais. Por esse motivo, 28 de junho passou a ser o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+.

 

No ano seguinte, surgiu a primeira Parada do Orgulho Gay, em 1º de julho de 1970, fortalecendo o movimento. Hoje a data é lembrada para marcar a luta contra a LGBTfobia, termo que define as violências cometidas contra gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais, intersexuais, assexuais e outras pessoas LGBTQIA+.

 

 

Fonte: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/06/28/congresso-recebe-iluminacao-para-lembrar-o-dia-do-orgulho-lgbtqia

Ler Anterior

PF faz operação contra transporte de drogas e munições em MT

Leia em seguida

Em Cuiabá, Messi dá show e Argentina vence Bolívia