Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Emanuel culpa Estado por nova cepa

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) culpou o governo de Mato Grosso pelo surgimento de uma nova cepa colombiana durante a Copa América, realizada em Cuiabá no mês de junho. Em um áudio enviado pelo WhatsApp nesta quarta-feira (14), o gestor reiterou que a realização do campeonato foi decidida de forma unilateral e apelou por envio de doses extras da vacina contra a covid-19. “Cuiabá não foi ouvida, a decisão ficou no âmbito do governo estadual e CBF. Como veio uma decisão guela abaixo, não restava Cuiabá ter outra posição a não ser exigir doses extras da vacina em virtude da realização da Copa América”, disse.

Na última segunda-feira (12), a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) confirmou que duas pessoas das delegações da Copa América testaram positivo para a covid-19, pelo Laboratório Central do Estado de Mato Grosso (Lacen-MT). “Foi um evento de última hora, sem dar tempo de qualquer planejamento e organização. Agora a nossa ansiedade e grande preocupação acabou se confirmando no início dessa semana com essa nova variante que está assombrando nossa população”, complementou.

Nesta quarta, Emanuel que fez um novo requerimento por doses extras de vacina contra a covid-19 ao Ministério da Saúde. Pinheiro justificou que o requerimento deve ser acatado pelo Ministério da Saúde, uma vez que em maio deste ano, o órgão ministerial enviou 300 mil doses extras de vacina contra a covid-19 para o estado do Maranhão, quando identificada a variante indiana do coronavírus naquele estado.

Em visita em Cuiabá, o ministro da Saúde Marcelo Queiroga afirmou que os imunizantes só serão enviados após aprovação do Programa Nacional de Imunização (PNI). “Estou exigindo das autoridades que Cuiabá tem direito e exige o mesmo respeito que foi devotado ao povo do Maranhão em relação as doses extras. Estou cobrando novamente esse apelo para que o governo federal libere essas doses”, finalizou.

Ler Anterior

Mauro vai a reunião do MDB e sinaliza a EP

Leia em seguida

“Estou emocionado em receber a vacina que é a esperança para vencermos a pandemia”, diz Kalil Baracat ao ser vacinado