Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Servidor leva empresária para motel durante viagem e tenta forçar sexo

Um servidor do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) é acusado de cometer importunação sexual contra uma empresária na manhã da última terça-feira (27), na BR-158, em Confresa (1.160 km da Capital).

De acordo com a ocorrência, quem procurou, inicialmente, a Delegacia de Polícia Civil foi o acusado informando que tinha sido agredido pelo marido da empresária e representou contra o rival por crime de lesão corporal, ameaça e injúria. Porém, não relatou as circunstâncias do fato.

Os investigadores buscaram pelo suposto ‘agressor’ (marido da vítima), que foi conduzido à unidade policial na companhia da esposa, momento em que foi relatado o que tinha acontecido.

Segundo o casal, o acusado voltava de Porto Alegre do Norte de carona com a empresária. Na BR-158, já em Confresa, o acusado teria pedido para dirigir o carro da vítima, com a desculpa de testar o veículo.

Na direção, ele entrou em um motel à margem da rodovia sem a autorização da mulher.

A vítima ressaltou que ficou extremamente nervosa, não teve reação, não conseguiu correr e ficou paralisada.

O servidor teria tentado pegar o celular da vítima, que estava entre as pernas dela, mas a vítima conseguiu impedir e ficar o aparelho.

No entanto, ele teria aproveitado a situação para tocar nas pernas dela.

Ao estacionar o veículo na garagem do quarto do motel, a vítima se recusou a descer e permaneceu no carro. O acusado entrou no quarto e a empresária aproveitou o momento sozinha para fazer algumas ligações e pedir ajuda.

Ela conseguiu falar com o marido, foi quando ele soube de todo o fato.

Foi descrito na ocorrência que apesar de a mulher se sentir constrangida, intimidada e coagida, não chegou a sofrer nenhuma violência ou ameaça por parte do acusado.

Os dois conversaram no veículo, ela insistiu que não ia descer do carro, então eles deixaram o estabelecimento.

Os dois seguiram para a cidade, onde o marido da empresária já estava a aguardando e acabou agredindo o servidor.

O caso segue em investigação pela Polícia Civil.

Imagem: Reprodução

Ler Anterior

Polícia denuncia à Justiça mandantes e executores de chacina em Colniza

Leia em seguida

Vídeo mostra idosa salvando bebê que caiu de prédio: ‘Tive medo que morresse’