Notícias de Última Hora :

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Cáceres decreta situação de emergência e limita uso da água

A Prefeitura de Cáceres (240 km de Cuiabá) decretou situação de emergência em razão da falta de água e da quantidade de queimadas na região. O município também determinou limitação no uso da água fornecida para a população.

De acordo com o município, já são mais de 150 dias sem chuva e as consequências são sentidas nos reservatórios da autarquia Águas do Pantanal, que faz o abastecimento da cidade.

a estiagem baixou o nível da água do Rio Paraguai, e as chalanas da região já não conseguem atravessar toda a extensão do rio, principalmente depois que alguns afluentes secaram.

Com a insuficiência nos mananciais, “os equipamentos responsáveis por trazerem água in natura para a Estação de Tratamento de Água (ETA) Central se encontram severamente sobrecarregados”, justificou a prefeita Antônia Liberato Dias (PSB), no decreto n. 715/21. A estimativa é que, pelo menos sete bairros já tiveram o abastecimento comprometido.

A Prefeitura lembrou, ainda, que a previsão dos meteorologistas é de que não haverá chuvas suficientes, que o cenário de estiagem é forte em todo o Estado. Então, com a baixa disponibilidade de água, ficou proibida a utilização da água para abastecimento de piscinas, lavagem de fachadas, calçadas, pisos, muros e veículos, até que seja restabelecida a normalidade do abastecimento de água.

Outro decreto assinado pela prefeita trata dos incêndios em áreas protegidas. Eliene destaca que Cáceres não tem condições de combater os incêndios florestais sozinha.

O município destacou que a cidade tem apresentado alto índice de calor, sendo uma das recordistas no país nas altas temperaturas. Ressaltou, ainda, que a situação tem apontado reflexos na qualidade do ar do município e ponderou “a necessidade de aporte e socorro pelos outros entes Federativos para que seja debelado ou mesmo reduzido o número de focos de calor que causam esses incêndios florestais”.

Desta forma, a Prefeitura autorizou a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob o comando da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil nas ações de resposta aos incêndios.

O município destacou que, com o decreto de situação de emergência, será possível prestar assistência para as famílias em vulnerabilidade social.

Ler Anterior

Ministério da Saúde anuncia aplicação da terceira dose a partir de setembro

Leia em seguida

Polícia prende “empresário” com 10 toneladas de milho roubadas em MT