Notícias de Última Hora :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

segunda-feira, 8 de agosto de 2022

MT é 3º com mais flagrantes de motoristas embriagados em BRs

Mato Grosso é o terceiro estado com mais constatações de condutores dirigindo embriagados nas rodovias federais. O apontamento faz parte do Anuário da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O documento revela que, no Estado, em 2021, foram 724 constatações de alcoolemia, atrás apenas do Pará (727 registros) e Minas Gerais (3,7 mil). Além disso, 527 condutores se recusaram a fazer o bafômetro.

 

O levantamento indica também que, em Mato Grosso, no ano passado, foram 185,4 mil infrações nas rodovias federais. As multas por velocidade correspondem a 39% dos registros, com mais de 72 mil infrações.

 

O anuário destaca que nas 5 rodovias federais que cortam Mato Grosso – BRs 070, 158, 163, 242 e 364 – foram registrados 2.135 acidentes com 576 feridos graves e 219 mortos. Em acidentes, o Estado está na 12ª colocação e em óbitos na 10ª. Em mortos por tipo de veículos, a unidade federativa está com o 4º maior número de vítimas em acidentes com ônibus, 14 no total.

 

Presidente da Comissão de Direito de Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso (OAB/MT), Giovane Gualberto de Almeida, enfatiza que no anuário, a PRF listou mais de 70 possíveis tipo e causas dos acidentes, desde condições climáticas, sinalização, condições da pista e ainda causas inerentes aos atos humanos. “Analisando é possível destacar que a maior causa de acidente decorre em falha humana. Seja por reação tardia ou ineficiente do condutor, ausência de observação das regras de trânsito, por não guardar a distância de veículo, acessar a via sem observar a presença de outro veículo, excesso de velocidade, dormir ao volante, ultrapassagem indevida e, ainda, ingestão alcoólica”.

 

Giovane avalia que avançar para um trânsito seguro não é somente agir de forma ostensiva para o cumprimento das normas de trânsito. Para ele, combater o descumprimento das leis são atos primários para garantir o mínimo de segurança. “É necessário, para um trânsito seguro, a formação de condutores conscientes de sua responsabilidade, da importância em cumprir as leis de trânsito. Realizando blitz não somente repressivas, mas também orientativas e educativas”.

 

Advogada especialista em Direito de Trânsito, Aleciane Sanches enfatiza que cada vez mais vemos os condutores sendo autuados por diversas infrações de trânsito em rodovias federais. “Em especial aquelas relacionadas à ultrapassagem em faixa contínua e forçar ultrapassagem”.

 

Enfatiza que a PRF tem uma atuação mais efetiva a fim de coibir algumas práticas nocivas à segurança no trânsito, principalmente com fiscalização. “Outra infração de trânsito comum está relacionada à velocidade, que é uma das grandes causas de acidente e, muitas vezes, com vítimas fatais ou ainda com dano permanente, gerando diversos problemas na vida no cidadão e também com reflexo ao Estado”.

Fonte: Gazeta Digital

Ler Anterior

Naiara Azevedo aposta em look de inverno e ganha elogios: “Como pode ser tão linda?”

Leia em seguida

Operação da Polícia Militar intensifica policiamento nas ruas de Cuiabá