Notícias de Última Hora :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

domingo, 26 de junho de 2022

15ª edição do festival velha joana é um sucesso absoluto com público de 10 mil pessoa

Entre os dias 3 e 12 de junho ocorreu em Primavera do Leste o Festival Velha Joana, que recebeu Grupos de Teatro de vários municípios do interior de Mato Grosso e de outros estados brasileiros apresentando 43 espetáculos e/ou processos cênicos, público estimado em 10.000 pessoas.

Foram quase 600 profissionais entre atuantes e técnicos das artes, 43 apresentações, 30 debates, 01 encontro de municípios nessa XV edição que foi umas das maiores do Festival Velha Joana.

Para Ana Paula Dorst representante da Associação Cultural Teatro Faces “o Festival Velha Joana se configura como um espaço democrático de apresentações que desenvolve as práticas da cultura local e permite o trânsito e o fortalecimento das produções artísticas”

O Festival também proporcionou o Ágora,  um momento em que os protagonistas da Arte da Cena em Mato Grosso puderam trocar experiências e exporem as dificuldades e perspectivas para o setor, contando com a presença de lideranças políticas locais e estaduais, reunindo as em um bate papo no sábado, dia 11, às 9h, na sede do Conviver 10 cidades: Campo Verde, Campo Novo dos Parecis, Cáceres, Comodoro, Pontes e Lacerda, Sorriso, Nova Olímpia, Barra do Garças, Primavera do Leste, Rondonópolis e Cuiabá; reunindo 18 grupos de teatro. Na reunião a ideia de um Levante para o fortalecimento das práticas desenvolvidas no interior do estado, assim como a circulação das produções do interior foram pautas.

A união desses coletivos vislumbra uma política pública de caráter decolonial onde o interior não seja visto apenas como receptor de produções de capitais e/ou de grandes centros, mas que seja, também, respeitada em sua potência de criança possibilitando espaço de trânsito desses trabalhos. Camila Pinho, Diretora, Dramaturga e Atriz do Coletivo Gestação de Rondonópolis ressalta: “O Festival Velha Joana é uma reunião necessária para Mato Grosso e outras regiões. O encontro que tivemos sábado foi uma oportunidade ímpar de abrir diálogos com o interior do estado. Além da oportunidade de troca, foi um ato de respeito e valorização desses artistas. Escutar é a respeito da valorização e isso eu vejo em toda equipe do festival. Um amor pelo trabalho, dedicação e muito afeto. Eu saí desse espaço revigorada a lutar e a construir. E venho saindo assim desde quando comecei a participar.”

Wanderson Lana, idealizador do Festival Velha Joana e que, também, é Diretor, Pesquisador, Dramaturgo e Secretário de Cultura, Turismo, Lazer e Juventude Primavera do Leste acrescenta: “A gente se propôs a lutar junto por políticas afirmativas que nos convide ao protagonismo. Somos cidades que realizam festivais, que nos organizamos em grupos para beneficiar nossa comunidade e, muitas vezes, o olhar sobre nós não é horizontalizado. Nossas conquistas estão sendo invisibilizadas, esses municípios conseguiram várias coisas que, por não surgirem em grandes centros, tentam ser desconsideradas.

A Colonialidade não acontece só da Europa/Eua para o os países da América Latina, ele acontece, também, com a reprodução protagonizada por cidades maiores e/ou grandes centros do próprio país e estado”.

Ainda, durante o encontro foram lançadas as pesquisas realizadas sobre o teatro em Primavera do Leste, resultando de Monografias, Dissertações e Tese que apresentam estudos sobre o Corpos Dissidentes, Corpo e Território, Releituras de Peças didáticas, Criança e espaço do Brincar e nos apresenta a Dramaturgia Mestiça, tese sobre um teatro decolonial a partir das discussões de território e territorialidades.

Estiveram presentes pessoas importantes e preocupadas com a cena cultural do estado. O prefeito municipal Leonardo Bortolin, o vice prefeito Ademir Goes, O Secretário Adjunto de Cultura Jan Moura e o ex secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer e produtor cultural Adalberto Machado conhecido como o Beto dois a um que ressaltou sua missão de vida em contribuir, como produtor cultural, com o desenvolvimento das políticas de cultura em todos os cantos do estado.

“O Festival Velha Joana se tornou, por sua representatividade, dimensão, qualidade e trabalho continuado no principal festival do segmento e cumpre um importante papel para a pesquisa, troca e desenvolvimento das artes cênicas, e o Governo de Mato Grosso tem orgulho de investir em iniciativas consolidadas e que representam tanto para o crescimento da arte e da cultura do Estado” Ressaltou o Jan Moura, Secretário Adjunto de Cultura.

Para o Vice Prefeito Ademir Goes “Ver tantos jovens e profissionais envolvidos na arte, em trazer qualidade de vida para a população é essencial no combate à violência”. E o Prefeito Leonardo Bortolin reforça “estamos investindo no futuro de nossa cidade. Tenho um grande respeito por todos os profissionais envolvidos, mas principalmente pelas crianças e adolescentes. Quero cuidar deles da mesma forma que a cidade cuidou de mim. Investir em sua educação, nas ações de esporte, cultura e lazer é pensar na diminuição da violência e numa cidade melhor para todos nós. O Festival Velha Joana, que é o maior do estado e um dos mais importantes do nosso país, nos deixa muito orgulhosos de toda a mobilização que causam e de tudo que realizam”, relata o prefeito.

Ler Anterior

Prefeitura recebe ônibus escolar e caminhão da agricultura familiar para população Primaverense

Leia em seguida

Governo de MT firma parceria com a Prefeitura de Várzea Grande para ampliar oferta de linhas de crédito