Breaking News :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

quinta-feira, 25 de abril de 2024

Jayme Campos quer duplicação da BR-163 até portos do Arco Norte; ‘alta demanda’

A duplicação da BR-163 para facilitar o transporte de grãos produzidos em Mato Grosso para os portos do Arco Norte é uma das prioridades do senador Jayme Campos (União-MT) no campo do desenvolvimento logístico. Nesta terça-feira, 2, ele se reuniu com o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Rafael Vitale Rodrigues, e pediu que se inicie imediatamente estudos para viabilizar o empreendimento em função da alta demanda e dos riscos de acidentes.

Ao lado do deputado estadual Diego Guimarães (Republicanos), Jayme Campos destacou a ‘alta demanda’ de grãos produzidos em Mato Grosso e que necessita chegar com mais rapidez, segurança e em condições de maior competitividade aos portos acima do paralelo 16. O encontro contou também com a presença do secretário de Desenvolvimento Econômico, César Miranda.

O trecho de 1.009 quilômetros entre Sinop, em Mato Grosso, até Miritituba, no Pará, está sob a responsabilidade da empresa Via Brasil. A concessão, de 10 anos, não prevê obrigação da concessionaria em duplicar. O diretor-geral da ANTT, contudo, admitiu que, em função da movimentação de carga e dos riscos de acidente, os dados técnicos da agência mostram a necessidade da duplicação.

A pedido do senador Jayme Campos, Vitale acenou com a possibilidade de se buscar soluções – a exemplo do que aconteceu no ‘caso Rota do Oeste’, para que sejam viabilizados os investimentos. Para isso, segundo ele, será preciso “equalizar o contrato para que o retorno do investimento seja equilibrado”.

Desde 2015, os portos do Arco Norte figuram como o segundo maior ponto de saída de grãos de soja e milho do Brasil para o exterior. Jayme Campos, no entanto, considera que a região pode se transformar no maior polo de exportação, com o avanço da produção em Mato Grosso. A questão, inclusive, foi tratada pelo senador durante pronunciamento no plenário do Senado.

“Com a demanda, ou seja, com a explosão demográfica – sobretudo com a nossa grande explosão agrícola – nós precisamos levar também em conta a necessidade de nós duplicarmos do Trevo de Santa Helena, se possível, até Miritituba” – frisou o senador. No entanto, segundo ele, o trecho que hoje demanda o maior movimento de caminhões e carretas, é o que liga o Trevo Santa Helena até a cidade de Guaratã do Norte.

“Temos que ter é solução, soluções que certamente possam dar melhor trafegabilidade, mas, sobretudo, segurança àqueles que trafegam também nas rodovias de todo esse imenso Brasil, mas particularmente no Estado de Mato Grosso, nesse trecho que é do Trevo da Santa Helena até a cidade de Guarantã, que é um trecho, com certeza, detentor de maior volume de tráfico” – acrescentou.

Além da BR-163, Jayme Campos ressaltou que a bancada federal também está empenhada na conclusão da obra da BR-158, da BR-242, e outros obras estruturantes necessárias ao Estado. Ele lembrou que Mato Grosso tem dado imensa contribuição a riqueza nacional, garantindo a elevação do Produto Interno Bruto (PIB), mas lamentou, por outro lado, que o Estado tem recebido “pouco ou quase nada”, em contrapartida do Governo Federal no tocante aos investimentos em infraestrutura: “Mato Grosso quer ter uma contrapartida naquelas obras que são da responsabilidade do Governo Federal” – disse.

Read Previous

Lei de Max Russi proíbe corte de energia de pacientes em home care em MT

Read Next

Rosa Neide busca solução com ministro para famílias do Contorno Leste em Cuiabá