Breaking News :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

quarta-feira, 24 de julho de 2024

Nutricionista indica teoria dos 21 Dias para novos adeptos da malhação não desistirem da rotina de atividades físicas

Sempre no início do ano é aquela corrida de novas matrículas nas academias, em geral promessas de iniciar o novo ano com uma rotina de exercícios. Na prática muitos permanecem, porém outros tantos desistem, esses são chamados de fogo de palha. Para que a busca por um estilo de vida saudável não se torne uma desistência em sua vida, a nutricionista da academia boutique Forz Gym, em Cuiabá, defende Teoria dos 21 Dias, popularizada na psicologia comportamental, sugere que esse período é suficiente para formar novos hábitos.

“Sabemos que iniciar uma rotina de exercícios pode ser desafiador, pois exige mudanças no comportamento e, principalmente, na adaptação cerebral. Por isso, além de elaborar uma dieta nutricional adequada e personalizada aos alunos da Forz, para que alcancem resultados mais rapidamente e se mantenham com energia, existem alunos que precisam ser estimulados para que continuem mantendo a rotina de exercícios com vigor, por isso acho interessante e eficaz aplicar a Teoria dos 21 Dias para os que tem dificuldade em manter a nova rotina”, explica a nutricionista Ana Karoline Lopes.

A Teoria dos 21 Dias baseia-se na ideia de que o cérebro humano necessita de aproximadamente três semanas para internalizar e automatizar novos comportamentos. Essa adaptação envolve a formação de conexões neurais, que, ao longo do tempo, se tornam mais eficientes, transformando uma ação inicialmente desafiadora em um hábito.

“Para tanto existem passos importantes, como estabelecer metas realistas, é importante metas para evitar desmotivação. Comece com objetivos modestos e aumente gradualmente a intensidade e a frequência dos exercícios. Na criação da rotina, por exemplo, construir um planejamento diário ou semanal ajuda a estabelecer um padrão. Isso facilita a adaptação cerebral, pois o cérebro tende a se ajustar melhor a comportamentos regulares. E claro, é eficaz associar experiências positivas, escolher exercícios que dão prazer, e celebrar estas pequenas conquistas, trazem muitas contribuições”, defende.

Ainda, segundo a nutricionista acompanhar o progresso é motivador. Manter um registro dos treinos, melhorias de desempenho e mudanças físicas proporciona feedback positivo ao cérebro. “Por isso na Forz mantemos o exame de bioimpedância à disposição dos alunos, as métricas são impactantes, o resultado se descortina, e o aluno vai percebendo as grandes mudanças físicas, e claro, as emocionais também. Por isso, sempre reforço que lidar com a resistência é comum, ela precisa ser enfrentada. Manter o foco nas recompensas a longo prazo e na melhoria gradual pode ajudar a superar a fase inicial de atividades físicas”, reforça.

Ainda, segundo a nutricionista acompanhar o progresso é motivador. Manter um registro dos treinos, melhorias de desempenho e mudanças físicas proporciona feedback positivo ao cérebro. “Por isso na Forz mantemos o exame de bioimpedância à disposição dos alunos, as métricas são impactantes, o resultado se descortina, e o aluno vai percebendo as grandes mudanças físicas, e claro, as emocionais também. Por isso, sempre reforço que lidar com a resistência é comum, ela precisa ser enfrentada. Manter o foco nas recompensas a longo prazo e na melhoria gradual pode ajudar a superar a fase inicial de atividades físicas”, reforça.

Read Previous

Mulher coloca crânio em porta de loja após demissão; vídeo mostra momento da ação

Read Next

Emanuelly Monteiro revela valor milionário para assegurar bumbum: ‘Pesquisando’