Breaking News :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

quinta-feira, 25 de abril de 2024

Praça Nossa Senhora da Guia é inaugurada; cidade ganha ponto turístico, histórico, cultural e religioso

A Prefeitura de Várzea Grande, em conjunto com a Arquidiocese de Cuiabá, a Paróquia Nossa Senhora da Guia, a comunidade católica e doações, inauguraram no início da noite deste sábado (2) a Praça Nossa Senhora da Guia.

A iniciativa celebra os 157 anos da padroeira do município de Várzea Grande que também completa 157 Anos de Fundação em 15 de Maio e 76 Anos de emancipação político-administrativa em 23 de Setembro próximo.

A solenidade teve início com a benção da imagem e da praça pelo Arcebispo Metropolitano Dom Mário Antônio da Silva. Em suas palavras, o arcebispo destacou a importância do local como ponto de encontro espiritual para a comunidade católica.

“Que esta praça seja um espaço de fé, reflexão e celebração da devoção a Nossa Senhora da Guia, que há 157 anos guia os passos do povo várzea-grandense”.

O Padre Kleber Jorge e Silva, Pároco da Matriz Nossa Senhora do Carmo e da Igreja de Nossa Senhora da Guia lembrou que a dedicação na comunidade em respeito a sua padroeira que abençoa a cidade e sua gente, bem como a participação ativa do prefeito Kalil Baracat (MDB) e a primeira-dama, Kika Dorileo Baracat, bem como do senador Jayme Campos (UB), do deputado estadual Júlio Campos (UB) que dedicaram para que a Praça e a escultura se tornasse uma realidade, pois ela tem um significado muito importante na história e na vida de todos em Várzea Grande.

A vice-presidente do Tribunal do Justiça de Mato Grosso, desembargadora Maria Erotides, falou em nome da comunidade católica e dos festeiros da padroeira. Ela ressaltou a inspiração que levou à criação do monumento, iniciativa que teve origem no ano anterior durante as festividades. “Sentimos a necessidade de ter um marco, um ponto de referência, uma homenagem à nossa padroeira. Procuramos o prefeito Kalil Baracat, e juntos, com a colaboração da primeira-dama Kika Dorileo Baracat, concretizamos esse projeto”.

O deputado estadual Julio Campos, representando a família Campos e que é ex-prefeito da cidade, partilhou um pouco da devoção popular à padroeira e elogiou a escolha estratégica da localização da praça. “Este monumento ficará eternamente marcado na história da cidade e na fé do povo várzea-grandense, uma representação viva da fé e da identidade que unem os várzea-grandenses em torno de sua padroeira”, disse o deputado que finalizou sua fala cantando em homenagem à santa.

Encerrando os discursos, o prefeito Kalil Baracat expressou a importância da praça nos aspectos religiosos, culturais e turísticos para a cidade. “Nossa Senhora da Guia escolheu esse pedacinho do Brasil como sua morada, tornando-se mãe e padroeira de Várzea Grande. Com fé, peço que ela abençoe nosso povo e nos guie à conquista magistral”.

Kalil Baracat ainda ressaltou a magnitude do momento para Várzea Grande, enfatizando os significados religiosos, culturais e turísticos que a praça representa. “Este é um marco na nossa cidade. Nossa Senhora da Guia escolheu Várzea Grande como sua morada, e esta praça é uma expressão da nossa devoção e gratidão à padroeira que há 157 anos abençoa nossas vidas. Que ela continue guiando os passos do nosso povo”, destacou o prefeito.

Baracat também enfatizou a importância do trabalho da desembargadora Maria Erotides e da primeira-dama Kika Dorileo Baracat no projeto. Ele elogiou a dedicação e o empenho das duas salientando que a participação delas foi fundamental para a concretização da Praça Nossa Senhora da Guia. “A Dra Maia Erotides e Kika trouxeram uma sensibilidade única para este projeto. A visão delas e comprometimento foram cruciais para que pudéssemos celebrar este momento especial para a nossa cidade. Agradeço imensamente pelo seu esforço e dedicação”.

O artista plástico Tchelo Santos, responsável pela confecção da imagem de Nossa Senhora da Guia, é conhecido no município por suas obras, que incluem bustos de personalidades ilustres do município, como Couto Magalhães e a professora Sarita Baracat, e contribuem para a preservação da história e identidade local. A escolha de Santos para criar a imagem da padroeira evidencia a valorização dos artistas locais e a busca por uma representação autêntica da devoção à santa.

Tchelo Santos, revelou que ao esculpir a imagem da padroeira, buscou capturar não apenas a religiosidade, mas também a expressão de afeto e proteção que Nossa Senhora da Guia simboliza para a comunidade várzea-grandense. Sua obra não é apenas uma escultura, mas uma manifestação artística que transcende o material e se conecta com a espiritualidade da população local.

“A imagem, cuidadosamente esculpida por Santos, é uma adição significativa ao acervo artístico de Várzea Grande. Além de retratar a padroeira, ela se torna parte integrante da identidade cultural da cidade. O reconhecimento do trabalho de Tchelo Santos não apenas enaltece o talento do artista, mas também fortalece os laços entre a arte, a fé e a comunidade”, declarou a desembargadora Maria Erotides.

O evento também foi prestigiado pelo senador Jayme Campos e a ex-prefeita Lucimar Sacre de Campos, pelos festeiros Rafael Clerio, Angel Bassan e Jonas (atuais rainha e rei da festa de Nossa Senhora da Guia), pelo deputado estadual Fabio Tardin, diversos vereadores municipais e além de muitos fiéis e festeiros de Nossa Senhora da Guia.

A Praça Nossa Senhora da Guia – fundamentada pela Lei Municipal 5109/2023, é um marco que transforma a rotatória em frente ao Aeroporto de Várzea Grande em um ponto de referência não apenas para os fiéis, mas também como um cartão postal e novo ponto turístico. Estrategicamente localizada na confluência das principais vias da cidade, a praça se torna acessível e visível para moradores e visitantes, consolidando-se como um espaço emblemático para a comunidade.

A construção, coordenada pelo Arquiteto Enodes Soares Ferreira, é fruto da colaboração entre a prefeitura, os festeiros e a comunidade católica local. A declaração do prefeito Kalil Baracat, gravada no monumento, reconhecendo as comemorações da festa como patrimônio cultural, histórico e imaterial, reforça a importância da praça como marco de referência turística, cultural e religiosa para o município.

O pedestal de granito, além de sustentar a imagem da padroeira e dos pescadores, carrega em sua base os pontos cardeais e destaca a conexão global da devoção a Nossa Senhora da Guia, evidenciada pela distância de 12 Santuários Marianos ao redor do mundo em relação à Várzea Grande.

Padre Kleber, Pároco da Igreja Matriz de Várzea Grande, enfatizou que a praça representa a renovação da fé diária e que, ao passar por ela, as pessoas perceberão que a cidade é cuidada por uma mãe carinhosa.

A história de Nossa Senhora da Guia, compartilhada pelo Padre Kleber, remonta a 1867, quando a imagem foi deixada por um casal de portugueses no local onde hoje está a igreja. A trajetória da santa, transportada por barco até Mato Grosso do Sul e depois por burro até Várzea Grande, é marcada por um gesto simbólico. “A História tem várias versões, mas dizemos que ela escolheu permanecer porque o burrinho não conseguia mais carregá-la. Quando retirada, o animal caminhava normalmente, mas ao colocar a imagem, ele se abaixava, indicando que Nossa Senhora queria ficar aqui em Várzea Grande”, relata o Padre Kleber.

A Praça Nossa Senhora da Guia, agora aberta ao público, representa não apenas um espaço físico, mas uma manifestação de fé, devoção e identidade para os várzea-grandenses, consolidando-se como um local de encontro e celebração da história e cultura do município além de um novo ponto turístico.

Read Previous

Brasileira é vítima de estupro coletivo na Índia: “Pensei que íamos morrer

Read Next

Em conjunto com outros órgãos, TRE-MT assina acordo para criar postos de atendimento ao eleitor