Breaking News :

Consultora financeira explica sobre a nova liberação de empréstimo para quem é beneficiário do BPC

Fonoaudióloga defende diagnóstico precoce para prevenção da perda auditiva

Atleta olímpico participa de jogo de fuga em Cuiabá

Dia do fonoaudiólogo: entenda a importância desse profissional no ambiente hospitalar

Profissionalismo e dedicação marcam 20 anos de profissão da fonoaudióloga Samia Ribeiro

Chapa 2 Integração protocola pedido para que profissionais da contabilidade tenham férias fiscais em MT

Adrenalina, desafios e diversão te esperam no Halloween da Escape60, em Cuiabá

Encontro automobilístico “Esperienza” supermáquinas entra para o calendário de eventos em Mato Grosso

Experiência única de recreação e entretenimento: Conheça o Escape60′

Fotógrafo vem a MT para ensaios que levantam autoestima de mulheres

Aparelho auditivo com “modo máscara” é alternativa que possibilita a comunicação com a proteção facial

Professora da UFMT recebe moção de aplausos em homenagem ao Dia do Contador

Escape 60′ oferece desconto para confraternização corporativa de fim de ano

Jogo de fuga cercado de desafios, mistérios e adrenalina: conheça o Escape60′

Feira gratuita ajuda jovens a cursarem faculdades fora do país

Municípios precisam de representatividade na Assembleia Legislativa

Dia do Estudante tem programação especial em escola de Cuiabá

Justiça reconhece que concessionária não é responsável solidária em processo de indenização por defeito de carro

SINDSPEN cobra vacinação urgente para policiais penais e servidores do sistema penitenciário

Prefeito Léo Bortolin toma posse na diretoria do consórcio nacional de compras de vacinas contra a covid

Policiais Penais protestam contra a Pec-32 em todo o Estado

Prefeito de Primavera do Leste e Secretário de Cultura de MT se solidarizam com classe artística e articulam prorrogação da Lei Aldir Blanc

Membros da Academia Mato-grossense de Letras prestigiam lançamento de livro de estudante cuiabano

Pacu entra no cardápio de restaurante internacional

Grupo São Benedito retoma lançamento imobiliário com condomínio recorde de vendas

Pesquisa aponta vitória de Edemil Saldanha(DEM) em Santo Antônio do Leste-MT

Com ampliação de horário e final de ano chegando academias começam a ter mais procura em Cuiabá

Com volta às aulas permitidas, escola de Cuiabá promove visita guiada com alunos do infantil

Após pandemia, professor aposta em pousada sustentável em Cáceres

Aumento de 35% para 40% do desconto em folha e taxas menores beneficiam aposentados e pensionistas do INSS

MDB lança Léo Bortolin à reeleição em Primavera do Leste

Fonoaudióloga alerta sobre perda da audição em crianças

Cresce em Cuiabá a procura por eletroestimulação para pacientes recuperados da Covid-19

Advogado, com orgulho! (Giroldo Filho)

Para facilitar a comunicação, empresa cuiabana doará máscaras transparentes para famílias de pessoas com perda auditiva

Por erro de cálculo, empresários pagam mais impostos do que deveriam, alerta professora da UFMT

Projeto do Deputado Estadual Thiago Silva cria a medalha Pastor Sebastião Rodrigues de Souza

Estudante de Cuiabá participa de live para arrecadar fundos para combater covid 19

Estado atende deputado Thiago e entrega 2 ambulâncias para Rondonópolis

Perda auditiva não tratada gera mais gastos com a saúde, diz pesquisa

domingo, 21 de abril de 2024

Júlio Campos destina emenda para a Coopervila

Um dos principais rebanhos bovinos mato-grossenses é o de Vila Rica. Mesmo com a dimensão da pecuária extensiva, a pecuária leiteira no aspecto agroindustrial é incipiente, e a melhor forma de fortalecê-la é fomentar o cooperativismo, que nessa área e naquele município é representado pela Cooperativa Mista de Produtores de Leite (Coopervila), fundada em 2022 e instalada na Chácara Samambaia. Esse é o entendimento do deputado estadual Júlio Campos (União), que cumpre um mandato voltado ao municipalismo. E em nome dessa visão, Júlio Campos destinou uma emenda impositiva de 229 mil reais para a Coopervila comprar e instalar uma fábrica completa para processar ração animal e sal mineral.

Em fevereiro, Júlio Campos foi procurado em seu gabinete pelos vereadores Lédio Procópio (União) e Jailson Pires Silva (PRD). Um pedido sincronizado dos dois representantes vila-riquenses ao deputado resultou na emenda que impulsionará a Coopervila. Jailson e Lédio também trataram de outros assuntos de interesse de Vila Rica.

Lédio é pré-candidato a prefeito e falou de seus planos para Vila Rica, caso seja eleito. Júlio Campos assegurou ao correligionário que seu partido apoiará efetivamente todos os candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador da legenda, e que espera um grande crescimento do União com o resultado das urnas em outubro.

VILA RICA – Município com 21 mil habitantes, no Vale do Araguaia, divisa com o Pará, sede de comarca e tendo por principal via de acesso a BR-158 – que cruza sua zona urbana, Vila Rica tem um grande potencial de crescimento.

Júlio Campos tem vínculos antigos com Vila Rica – desde 1979 quando foi empossado deputado federal pela primeira vez. O gabinete de Júlio Campos na Câmara em Brasília era frequentado por empresários que investiam ou queriam investir em Mato Grosso, e dentre eles, Rubens Rezende Peres e Alair Alves Fernandes, que eram donos de imensa gleba na região onde mais tarde Vila Rica seria fundada. Ambos o procuravam em busca de apoio, pois pretendiam colonizar terras agricultáveis e também fundarem uma vila com um projeto urbanístico avançado, por meio da Colonizadora Vila Rica. O deputado os incentivou e abriu caminho para ambos junto ao Incra, Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), Governo de Mato Grosso e o Banco do Brasil.

Alair cedeu uma área da fazenda Porangaba, de sua propriedade, para a criação da cidade, cujo nome reverencia Vila Rica, denominação primitiva de Ouro Preto. Rubens Rezende Peres era mineiro e com o nome Vila Rica reverenciou a lendária cidade berço da Inconfidência Mineira.

Rubens Rezende Peres foi o maior selecionador da raça Gir Leiteiro do Brasil. “Em nossas conversas ele projetava o amanhã de sua cidade, acreditava que ela seria um polo da pecuária leiteira, pelas características de suas terras, pelo perfil de seus pioneiros e sua localização central que lhe conferem ganho logístico para o transporte de média distância voltado para o mercado consumidor no Pará, Maranhão e o Norte de Goiás, que lutava para a criação de Tocantins, recorda o deputado.

Vila Rica apresentava crescimento populacional e em 13 de maio de 1986, Júlio Campos era governador e sancionou o projeto de lei que a emancipou de Santa Terezinha.

A criação do município foi possível após Júlio Campos articular um projeto de lei compartilhado pelas bancadas do PDS e do PMDB. Assim Vila Rica ganhou autonomia administrativa.

Ao destinar a emenda para a Coopervila, Júlio Campos disse que aquele ato além de atender à demanda da pecuária leiteira, era um tributo à memória do pecuarista dedicado à raça Gir Leiteiro, Rubens Rezende Peres.

Read Previous

Histórico: assinada a ordem de serviço para duplicação da BR-163 até Lucas do Rio Verde

Read Next

Júlio Campos exige transparência nos cursos para policiais estaduais